Bitcoin sobe 12% em agosto e supera principais investimentos do Brasil

Criptomoeda supera performance do ouro, dólar, IBOV e renda fixa e volta a chamar a atenção de investidores no Brasil

Com um aumento de mais de 500 milhões de dólares em sua capitalização total, o mercado de criptoativos vivenciou uma alta de 31,6% no mês de agosto, com criptomoedas disparando até 411%. A performance do bitcoin não chegou a tanto, mas superou o desempenho dos principais índices e aplicações disponíveis no mercado financeiro brasileiro.

No mês de agosto, o bitcoin vivenciou um novo movimento de alta, encerrando o período cotado a aproximadamente 246.000 reais, 11,9% acima da cotação do ativo em reais no início do mês, demonstrando uma valorização significativa para o movimento de recuperação da criptomoeda, mas muito abaixo de ativos como Arweave e Solana, que tiveram altas vertiginosas de mais de 100%.

Já em relação aos principais índices negociados na bolsa de valores brasileira, índices como IBOV e IBrX-50, que tiveram performances negativas, de -3,06% e de -4,40% respectivamente, valores muito abaixo da performance do bitcoin durante o mês de agosto. Na renda fixa, o cenário não foi muito diferente, e mesmo com o aumento de 1% na taxa Selic, a rentabilidade real em investimentos como a poupança continuou negativa, com um desempenho de -0,17% no mês.

Muito comparado com o bitcoin, o ouro também teve uma performance negativa em agosto, com uma queda de 1,8% nos futuros negociados na B3 durante o período.

Por serem ativos e investimentos de mercados diferentes, não é possível estabelecer uma comparação direta entre o bitcoin e outros produtos do mercado financeiro tradicional, entretanto, a performance da criptomoeda mais uma vez chama a atenção, principalmente de investidores que enxergam a exposição aos criptoativos como uma alternativa para diversificação e maximização dos retornos de seus investimentos.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também