Esporte
Acompanhe:

Fórmula 1: veja os horários e onde assistir ao GP de São Paulo

Treinos em Interlagos começaram nesta sexta-feira, 11; fim de semana terá Sprint Race e corrida com transmissões ao vivo

Enquanto Red Bull já está garantida na vitória do campeonato, Ferrari luta pelo segundo lugar em pilotos (Josef Bollwein/SEPA.Media/Getty Images)

Enquanto Red Bull já está garantida na vitória do campeonato, Ferrari luta pelo segundo lugar em pilotos (Josef Bollwein/SEPA.Media/Getty Images)

G
Gabriel Aguiar

Publicado em 11 de novembro de 2022, 17h25.

Última atualização em 11 de novembro de 2022, 19h46.

Neste fim de semana, a Fórmula 1 chega na penúltima etapa da temporada no GP de São Paulo – no tradicional circuito de Interlagos, no Brasil. E os primeiros testes foram cumpridos nesta sexta-feira, 11, enquanto a Sprint Race será às 16h30 de sábado, 12, após o segundo treino livre. Por fim, a corrida será no domingo, 13, com início marcado para as 15h do horário de Brasília (GMT -3).

Onde assistir: horários e canais do GP de São Paulo da F1

Diferentemente dos treinos, transmitidos somente nos canais por assinatura (seja BandSports ou F1 TV, serviço de streaming que custa 5,19 dólares por mês ou 39,99 dólares por ano pela cobertura ao vivo), a classificação e a corrida serão transmitidos pela TV aberta, na Band.

  • Treino livre 1 – sexta-feira, 11, às 12h30; transmissão: BandSports e F1 TV.
  • Classificação – sexta-feira, 11, às 16h; transmissão: Band, BandSports e F1 TV.
  • Treino livre 2 – sábado, 12, às 12h30; transmissão: BandSports e F1 TV.
  • Sprint Race – sábado, 12, às 16h30; transmissão: Band, BandSports e F1 TV.
  • Corrida – domingo, 13, às 15h; transmissão: Band e F1 TV.

Veja como está a classificação de pilotos na F1

  1. Max Verstappen (Red Bull) – 416 pontos;
  2. Sergio Perez (Red Bull) – 280 pontos;
  3. Charles Leclerc (Ferrari) – 275 pontos;
  4. George Russell (Mercedes) – 231 pontos;
  5. Lewis Hamilton (Mercedes) – 216 pontos;
  6. Carlos Sainz (Ferrari) – 212 pontos;
  7. Lando Norris (McLaren) – 111 pontos;
  8. Esteban Ocon (Alpine) – 82 pontos;
  9. Fernando Alonso (Alpine) – 71 pontos;
  10. Valtteri Bottas (Alfa Romeo) – 47 pontos;
  11. Sebastian Vettel (Aston Martin) – 36 pontos;
  12. Daniel Ricciardo (McLaren) – 35 pontos;
  13. Kevin Magnussen (Haas) – 24 pontos;
  14. Pierre Gasly (AlphaTauri) – 23 pontos;
  15. Lance Stroll (Aston Martin) – 13 pontos;
  16. Mick Schumacher (Haas) – 12 pontos;
  17. Yuki Tsunoda (AlphaTauri) – 12 pontos;
  18. Zhou Guanyu (Alfa Romeo) – 6 pontos;
  19. Alexander Albon (Williams) – 4 pontos;
  20. Nicholas Latifi (Williams) – 2 pontos;
  21. Nyck de Vries (Williams) – 2 pontos;
  22. Nico Hulkenberg (Aston Martin) – 0 pontos.

Veja como está a classificação de equipes na F1

  1. Red Bull – 696 pontos;
  2. Ferrari – 487 pontos;
  3. Mercedes – 447 pontos;
  4. Alpine – 153 pontos;
  5. McLaren – 146 pontos;
  6. Alfa Romeo – 53 pontos;
  7. Aston Martin – 49 pontos;
  8. Haas – 36 pontos;
  9. AlphaTauri – 35 pontos;
  10. Williams – 8 pontos.

Quais e quando serão as próximas corridas da Fórmula 1

  • 20/11/2022 – GP de Abu Dhabi.

O que é e como funciona a"corrida sprint" na F1?

Criada durante a pandemia, a corrida sprint funciona como um "mini-Grande Prêmio": as disputas duram cerca de 25 a 30 minutos e pontuação para os primeiros oito pilotos a cruzarem a pista de chegada. Além disso, a ordem define as posições para a corrida no dia seguinte, como se fosse uma classificação. Neste ano, esse formato foi adotado apenas para as etapas de Ímola, na Itália; Áustria; e Interlagos, no Brasil, disputada neste fim de semana.