Economia

Mudança na Lei das Estatais não é pauta do governo neste momento, diz Rui Costa

Em dezembro, a Câmara aprovou mudanças na Lei das Estatais que diminuem, de 36 meses para 30 dias, a quarentena

, governador da Bahia (Wikimedia Commons/Wikimedia Commons)

, governador da Bahia (Wikimedia Commons/Wikimedia Commons)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 2 de janeiro de 2023 às 14h39.

Última atualização em 2 de janeiro de 2023 às 14h47.

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, afirmou nesta segunda-feira 2, que uma eventual mudança na Lei das Estatais não é pauta do governo federal neste momento. "Por enquanto, isso não é pauta nossa", afirmou o ex-governador da Bahia no Palácio do Planalto.

Em dezembro, a Câmara aprovou mudanças na Lei das Estatais que diminuem, de 36 meses para 30 dias, a quarentena para quem atuou em estrutura decisória de partido político antes de assumir cargo de direção em empresa pública.

O texto, porém, travou no Senado.

De acordo com Rui Costa, o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão, será retomado pelo governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ainda em janeiro.

O órgão ficará vinculado ao ministério da Secretaria de Relações Institucionais, comandada por Alexandre Padilha.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhe tudo sobre:Empresas estataisLuiz Inácio Lula da Silva

Mais de Economia

Brasil exporta 31 mil toneladas de biscoitos no 1º semestre de 2024

Corte anunciado por Haddad é suficiente para cumprir meta fiscal? Economistas avaliam

Qual é a diferença entre bloqueio e contingenciamento de recursos do Orçamento? Entenda

Haddad anuncia corte de R$ 15 bilhões no Orçamento de 2024 para cumprir arcabouço e meta fiscal

Mais na Exame