Vacina contra coronavírus ficará pronta em setembro, estima especialista

O medicamento está em desenvolvimento em diversos países, mas perspectiva britânica é otimista

Uma professora da Universidade de Oxford, no Reino Unido, estima que uma vacina contra o novo coronavírus esteja pronta em setembro deste ano. Os testes em humanos devem começar dentro de duas semanas.

Sarah Gilbert, que trabalha junto a uma equipe que desenvolve uma vacina contra o novo vírus, diz estar 80% confiante de que vacina de seu time estará pronta neste ano, afirmou a professora ao jornal britânico Times of London.

“Acredito que há uma grande chance de que o nosso trabalho irá funcionar, com base em outras coisas que já fizemos com esse tipo de vacina”, disse.

O governo britânico já sinalizou positivamente para a produção em massa de uma vacina, uma vez que ela seja aprovada e atestada como segura.

A notícia chega em uma semana em que o número de mortos do coronavírus atingiu 100 mil. Por outro lado, com quase 2 milhões de infectados, 400 mil pessoas já se curaram da covid-19.

A estimativa da professora de Oxford é mais otimista do que a média dos especialistas, que estimam entre um ano e um ano e meio até a criação de uma vacina. Melinda Gates, da Fundação Bill & Melinda Gates, por exemplo, estima 18 meses para o desenvolvimento da vacina contra a covid-19.

As últimas notícias da pandemia do novo coronavírus

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.