Casual

Um relógio suíço para andar de bicicleta? A Tudor lança novo Pelagos FXD

Modelo em homanagem à equipe de ciclismo Pro Cycling Team, que disputa o Giro D’Itália, tem caixa ultra leve e resistente feita de carbono

 (Tudor/Divulgação)

(Tudor/Divulgação)

Ivan Padilla
Ivan Padilla

Editor de Casual e Especiais

Publicado em 16 de maio de 2024 às 18h11.

Última atualização em 16 de maio de 2024 às 18h17.

Tudo sobreRelógios
Saiba mais

A Rolex tem a imagem associada a esportes de elite como tênis, golfe e iatismo. Já sua irmã mais nova, a também suíça Tudor, marca presença no território do ciclismo. A marca que tem a rosa como logo é patrocinadora da equipe profissional Pro Cycling Team, que disputa o Giro D’Itália.

Para celebrar a parceria, a Tudor acaba de lançar  o Pelagos FXD Chrono, para os ciclistas da equipe. Trata-se de cronógrafo temático do ciclismo, leve e focado na funcionalidade. A caixa de 43 milímetros é de compósito de carbono, um material ultraleve e resistente usado também nas bicicletas de performance.

Peças em titânio ajudam a trazer resistência. A escala taquimétrica do cronógrafo contorna o mostrador, como uma espiral, permitindo a rápida visualização das velocidades a que os ciclistas geralmente andam. A função taquimétrica no Pelagos FXD Chrono “Cycling Edition” foi criada especificamente para o ciclismo.

Pelagos FXD Chrono da Tudor

Pelagos FXD Chrono da Tudor: leveza e legibilidade (Tudor/Divulgação)

Movimento em parceria com a Breitling

O mostrador preto mate com detalhes em vermelho reforça a legibilidade e são referência às cores da equipe Tudor Pro Cycling Team. Os ponteiros snowflake já são um clássico da marca. Agora, vêm em material luminescente.

O coração do relógio, o movimento, é o calibre de manufatura MT5813, com hora, minutos e segundos, e inclui as funções de cronógrafo e data. É derivado do calibre de manufatura Breitling 01 e saiu de uma colaboração das duas marcas. Tem reserva de marcha de 70 horas  e certificação Official Swiss Chronometer Testing Institute (COSC).

A pulseira é produzida na França em teares de tecido jacquard na região de Saint-Étienne. Com fivela convencional, é perfeita justamente para... andar de bicicleta. O preço da peça é 35.600 reais. De pedalada em pedalada, a Tudor vai ganhando cada vez mais identidade própria.

Leia mais

Acompanhe tudo sobre:RelógiosSuíçaCiclismo

Mais de Casual

Conheça o iate fabricado no Brasil que é uma casa sobre as águas

Novo T-Cross: Por que a Volkswagen decidiu mexer no SUV de maior sucesso

Air France vai ter voo direto entre Salvador e Paris; veja preço e a partir de quando

Marcas de moda nacional rifam peças por R$ 50 para o RS; saiba como participar

Mais na Exame