Acompanhe:

Para os músculos ou emagrecer, quem pode usar whey protein?

Nutricionista esclarece dúvidas em relação a esse tipo de complemento, um dos preferidos nas academias

Modo escuro

Continua após a publicidade
Whey protein: ele ainda estimula o metabolismo, acelerando a queima calórica, evitando que se perca massa magra (Getty Images)

Whey protein: ele ainda estimula o metabolismo, acelerando a queima calórica, evitando que se perca massa magra (Getty Images)

D
Da Redação

Publicado em 10 de outubro de 2013 às, 09h52.

São Paulo - Um dos preferidos de quem malha e quer ganhar massa muscular, o suplemento whey protein também pode auxiliar no emagrecimento. Se associado a uma dieta balanceada e à prática esportiva, informa a nutricionista Daiana Mafort, consultora da Nação Verde, esse pó extraído do soro do leite ajuda a saciar a fome e a controlar o apetite. "Por ser rico em proteína, sua digestão é mais lenta, adiando a vontade de comer. Usado corretamente ajuda aqueles que precisam perder peso", aponta.

O whey protein ainda estimula o metabolismo, acelerando a queima calórica, evitando que se perca massa magra. Segundo a nutricionista, batido com água, leite ou frutas, esse tipo de suplemento pode ser ingerido pela manhã ou à noite. "É importante, porém, que a pessoa converse com o médico ou nutricionista antes de começar a tomar o suplemento por contra própria, para avaliação da quantidade certa para cada caso. Muitas fórmulas contêm açúcar e gordura, podendo engordar. E excesso de proteína pode comprometer a função renal", avisa.

O suplemento também tem sido indicado para idosos com sucesso. Quando envelhecemos, lembra a nutricionista, ocorre uma perda significativa de massa muscular e aumento da gordura corporal, por isso é eficaz nesses casos, ainda mais se associado a exercícios de musculação.

Para pacientes, após a cirurgia bariátrica, o whey protein também é uma ótima alternativa. "Como há restrição no consumo de carne nos primeiros três meses após o procedimento, o whey protein supre a necessidade de proteína para esses pacientes", enumera.

Contra-indicado para pessoas alérgicas à proteína do leite, o whey protein conserva ainda outras potencialidades que estão sendo descobertas. Estudos internacionais já apontaram sua relação com o controle do índice glicêmico (auxiliando pacientes com diabetes), com a prevenção da asma, do colesterol, da hipertensão, além de propriedades antiinflamatórias e anticancerígenas. São necessários, porém, mais pesquisas de comprovação dessas propriedades.

Últimas Notícias

Ver mais
Quanto você consome de café por dia? Pesquisa revela quantidade ideal
Pop

Quanto você consome de café por dia? Pesquisa revela quantidade ideal

Há 4 dias

Os novos negócios de Rodrigo Sangion, da academia mais cara do país: marmita fit e curso a personal
seloNegócios

Os novos negócios de Rodrigo Sangion, da academia mais cara do país: marmita fit e curso a personal

Há 3 semanas

Soldiers Nutrition, de suplementos, multiplica receita por 10 e investe R$ 15 mi em nova fábrica
seloNegócios

Soldiers Nutrition, de suplementos, multiplica receita por 10 e investe R$ 15 mi em nova fábrica

Há 2 meses

Nos EUA, um Dia de Ação de Graças mais fit. É o efeito Ozempic
Exame IN

Nos EUA, um Dia de Ação de Graças mais fit. É o efeito Ozempic

Há 5 meses

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais