Casual

Novo filme de Star Wars já tem pior crítica desde "Ameaça Fantasma"

Os cinéfilos desapontados citaram diversos problemas, como ritmo monótono

Star Wars: A Ascensão Skywalker: nono filme da franquia ((c) 2019 Lucasfilm Ltd. & TM. All Rights Reserved./Divulgação)

Star Wars: A Ascensão Skywalker: nono filme da franquia ((c) 2019 Lucasfilm Ltd. & TM. All Rights Reserved./Divulgação)

Guilherme Dearo

Guilherme Dearo

Publicado em 19 de dezembro de 2019 às 14h16.

Última atualização em 19 de dezembro de 2019 às 14h17.

Star Wars: A Ascensão Skywalker” pode ser o mais detonado pela crítica especializada na saga de nove filmes.

O último lançamento da série recebeu avaliação positiva de 56% dos críticos acompanhados pelo Rotten Tomates. Somente “Phantom Menace”, lançado em 1999, recebeu menos opiniões favoráveis, de 53%. O website ainda está compilando críticas, mas já postou 43 avaliações, incluindo seis de comentaristas importantes da imprensa.

Os cinéfilos desapontados citaram diversos problemas: o roteiro responde a algumas das mesmas perguntas e aborda os mesmos temas de filmes anteriores, segundo Nicholas Barber, da British Broadcasting Corp. (BBC); é monótono, segundo Joshua Rothkopf, da Time Out; e tem ritmo de “zumbi”, segundo Darren Franich, da Entertainment Weekly.

A Walt Disney conta com o filme para reascender o entusiasmo pela franquia. O episódio anterior “Han Solo: Uma História Star Wars “ foi uma decepção.

O longa-metragem dirigido por J.J. Abrams estreia neste fim de semana.

O website de pesquisa de bilheterias Box Office Pro estima que “Star Wars: A Ascensão Skywalker” vai faturar entre US$ 185 milhões e US$ 225 milhões na América do Norte no primeiro fim de semana de exibição. Já a Hollywood Stock Exchange calcula US$ 230 milhões, o suficiente para colocá-lo entre as cinco maiores estreias de todos os tempos.

A Disney, que normalmente faz previsões conservadoras, informou na terça-feira que estima bilheteria de US$ 160 milhões ou mais nos EUA no fim de semana de abertura. “Os Últimos Jedi” arrecadou US$ 220 milhões no fim de semana de lançamento, há dois anos, e acabou faturando US$ 1,33 bilhão no mundo inteiro.

Acompanhe tudo sobre:CinemaDisneyFilmesStar Wars

Mais de Casual

Aos 21 anos, Carlos Alcaraz chega a R$ 122 milhões em premiações após conquista de Roland Garros

Em jogo de mais de 4 horas de duração, Alcaraz derrota Zverev e é campeão de Roland Garros

Festival apresenta mais de 60 documentários musicais em SP

Diamantes de laboratório e inspiração na natureza: confira as tendências da joalheria

Mais na Exame