Larry King morre, aos 87 anos, devido a complicações causadas pela covid

Apresentador conduziu o Larry King Live, CNN, por 25 anos
Larry King: desde o começo do mês, apresentador estava internado em hospital em Los Angeles (Getty Images/Getty Images)
Larry King: desde o começo do mês, apresentador estava internado em hospital em Los Angeles (Getty Images/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 23/01/2021 às 10:37.

Última atualização em 23/01/2021 às 10:52.

O apresentador de TV americano Lawrence Harvey Zeiger, conhecido como Larry King, morreu na manhã deste sábado, 23 de janeiro, aos 87 anos. De 1985 a 2010, ele apresentou o programa Larry King Live, na emissora de TV CNN.

Desde o começo de janeiro, estava internado nos Estados Unidos, em Los Angeles, por complicações resultantes da covid-19. A morte do apresentador foi anunciada em seu perfil oficial no Twitter.  Larry King era do grupo de risco para o coronavírus por ter realizado uma cirurgia em 2017, além de ter câncer de pulmão, problemas cardíacos e diabetes tipo 2.

Atuou profissionalmente por 63 anos. Em suas entrevistas, que rodavam o mundo, Larry King costumava arrancar as melhores respostas ao fazer perguntas simples, curtas e diretas, com destaca o comunicado da Ora Media, a respeito da morte do apresentador. Presidentes, atores, celebridades da moda, executivos, quem quer que fosse, ninguém escapava na cadeira do apresentador, cuja imagem vinha sempre (ou quase sempre) acompanhada de um suspensório.