Casual

Cristiano Ronaldo doa 100 mil euros à Cruz Vermelha

O dinheiro vem do prêmio que recebeu da Uefa por fazer parte do Time do Ano da entidade para um programa de reabilitação física no Afeganistão


	Cristiano Ronaldo: nos últimos anos, cinco jogadores, junto ao organismo máximo do futebol europeu, doaram cheques à CICV para beneficiar o programa no Afeganistão.
 (Reprodução/Getty Images)

Cristiano Ronaldo: nos últimos anos, cinco jogadores, junto ao organismo máximo do futebol europeu, doaram cheques à CICV para beneficiar o programa no Afeganistão. (Reprodução/Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 13 de fevereiro de 2013 às 13h57.

Genebra - O craque português Cristiano Ronaldo doou o prêmio de 100 mil euros que recebeu da Uefa por fazer parte do Time do Ano da entidade para um programa de reabilitação física que o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) tem no Afeganistão.

"Para o Comitê, é um prazer receber este apoio do programa de reabilitação. Ficamos felizes em saber que a ajuda às pessoas que perderam membros seja uma prioridade da Uefa e de estrelas como Cristiano Ronaldo", declarou em uma nota de imprensa a diretora de Recursos Humanos do CICV, Caroline Welch-Ballentine.

A colaboração da Uefa com a Cruz Vermelha acontece desde 1997, quando a primeira colaborou com a segunda em uma campanha contra as minas antipessoais.

Nos últimos anos, cinco jogadores, junto ao organismo máximo do futebol europeu, doaram cheques à CICV para beneficiar o programa no Afeganistão, que desde 1988 ajudou mais de 90 mil pessoas. Entre elas, figuram vítimas de minas e que sofrem diferentes incapacidades, às quais é cedido acesso a planos de educação, formação vocacional, emprego e ajuda para a criação de pequenas empresas. 

Acompanhe tudo sobre:AtletasCelebridadesCristiano RonaldoCruz VermelhaFutebol

Mais de Casual

'Homem Prada' combina elegância minimalista e espontaneidade

Brasil lidera mercado de jatos executivos na América Latina que deve movimentar US$ 1,31 bi até 2029

Como Roger Federer vai ser lembrado no futuro? Documentário aponta seu legado

Conheça a rede de hotéis de luxo de Francis Ford Coppola

Mais na Exame