Acompanhe:
seloCarreira

Reprograma está com 40 vagas para curso de programação exclusivo para mulheres

A oportunidade é gratuita e destinada para aquelas que possuem conhecimento intermediário ou avançado, com experiência profissional como desenvolvedora de, no mínimo, seis meses, a partir da data de abertura das inscrições

Modo escuro

Continua após a publicidade
Mulher programadora: iniciativa visa incentivar o aumento de mulheres na área tech (foto/Thinkstock)

Mulher programadora: iniciativa visa incentivar o aumento de mulheres na área tech (foto/Thinkstock)

A reprograma, iniciativa de impacto social está com inscrições abertas para o Educa Devas, formação para mulheres programadoras e que desejam se tornar educadoras e difusoras do conhecimento em tecnologia.

A oportunidade é gratuita e destinada para aquelas que possuem conhecimento intermediário ou avançado, com experiência profissional como desenvolvedora de, no mínimo, seis meses, a partir da data de abertura das inscrições. Serão oferecidas até 40 vagas e as interessada.

O curso tem como objetivo transformar o ensino da tecnologia, a fim de torná-lo mais convidativo, acolhedor e encorajador. De acordo com Nadja Brandão, Diretora Executiva da Reprograma, a ideia é consolidar a liderança e o protagonismo feminino.

“Desta maneira, esperamos ampliar o nosso impacto de forma indireta, compartilhando aprendizados no ensino da programação, formando líderes para inspirar outras mulheres e incentivando a criação de iniciativas lideradas por mulheres em todo o Brasil”, explica.

As candidatas serão avaliadas ao longo do processo seletivo pelos seguintes critérios de avaliação: atitude ou experiência em compartilhar conhecimentos, qualidade da Inscrição e coerência das informações, liderança e proatividade, conhecimento intermediário ou avançado e experiência profissional em programação, pensamento inclusivo e flexibilidade e disponibilidade para aprender.

Quem pode se inscrever no curso de programação da Reprograma?

As inscrições podem ser feitas por todas as pessoas que se identificam com o gênero feminino, portanto, mulheres cisgênero, trans ou travestis, que possuam total disponibilidade para frequentar as aulas. Além disso, é necessário ter 18 anos e ensino médio completo, sendo este último requisito não obrigatório para mulheres trans e travestis.

As selecionadas serão anunciadas no dia 18 de abril e o curso acontecerá entre 06 de maio e 28 de julho, com aulas ao vivo aos sábados, das 09h às 16h, e às segundas e terças-feiras, das 19h às 22h.

Como se inscrever no curso de programação da Reprograma?

As interessadas devem se inscrever até o dia 10 de março por meio do link.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
“Adotem as novas tecnologias. Resistir é inútil”, diz CEO brasileiro de uma das big techs dos EUA
seloNegócios

“Adotem as novas tecnologias. Resistir é inútil”, diz CEO brasileiro de uma das big techs dos EUA

Há uma semana

Governo quer taxar big techs e estuda quatro formas de taxação
Brasil

Governo quer taxar big techs e estuda quatro formas de taxação

Há uma semana

Receita de empresas de internet de grande porte da China aumenta 7,6% nos primeiros dois meses
Tecnologia

Receita de empresas de internet de grande porte da China aumenta 7,6% nos primeiros dois meses

Há uma semana

O antitruste é um risco contratado ao investir em big techs? A resposta da Gavekal vai surpreender
seloOnde Investir

O antitruste é um risco contratado ao investir em big techs? A resposta da Gavekal vai surpreender

Há 2 semanas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais