Carreira
Acompanhe:

Previsões para 2030 assustam e mostram como começar uma carreira de sucesso hoje

Prever o futuro nunca será uma tarefa fácil. Mas também não podemos ignorar alguns avisos que estão bem na nossa cara

Com o avanço constante da tecnologia e o surgimento de novas tendências, as empresas e indivíduos que estiverem dispostos a aprender e se adaptar às novidades terão uma vantagem competitiva enorme (ra2studio/Getty Images)

Com o avanço constante da tecnologia e o surgimento de novas tendências, as empresas e indivíduos que estiverem dispostos a aprender e se adaptar às novidades terão uma vantagem competitiva enorme (ra2studio/Getty Images)

F
Future Dojo

18 de janeiro de 2023, 17h34

Imagine que você de repente acordou em 2030. Você está em um táxi voltando pra casa e vê um drone escrito “Ifood” indo na direção oposta. Passando bem perto do carro. Você acha estranho, então olha pela janela e… vê vários carros passando logo abaixo de você, andando normalmente, no chão.

Essas e outras previsões foram feitas em uma série da McKinsey chamada “o novo normal”. E por mais que esse futuro descrito acima possa parecer bem animador. Acordar em 2030 também poderia trazer alguns problemas para sua vida.

A pandemia desencadeou um período de mudanças alucinantes. As empresas se tornaram digitais em questão de dias, não anos. E agora que o mundo sabe o quão rápido consegue inovar, é plausível pensar que mais inovações vão acontecer até 2030 do que nos últimos 23 anos.

Por isso, a maioria das empresas que você conhece não vão mais existir. Outras, você não vai ter a mínima ideia do que fazem. E com isso, seu trabalho também pode correr perigo. 

Afinal, já é fato que as empresas que não inovarem vão ficar para trás… mas e os profissionais que não souberam inovar?

Caso você queira aprender inovação, confira a masterclass gratuita da Future Dojo em parceria com Pedro Waengertner, autor do best seller “A estratégia da inovação radical”. clique aqui para conferir

Antes de continuarmos, dá uma olhada em 3 previsões para 2030:

Pra que 1 carro se você pode ter… infinitos?

Em 2030 você não vai ter carro. Não vai ter casa. E provavelmente, nem eletrodomésticos ou roupas. Mas calma, não estou falando que você vai passar dificuldades nem nada do tipo. 

Mas sim que quase todos os produtos se tornarão serviços. Vejamos a compra de um carro, por exemplo.

Em vez de possuir um veículo específico, você pode comprar um pacote de assinatura que oferece várias opções: um carro compacto durante a semana, outro maior para viagens aos feriados, um conversível no verão…

Cada pacote terá um preço fixo. E você não precisará ir à concessionária se não quiser.

Por meio da realidade virtual, você poderá ver quantos carros quiser, examinar seus recursos e até testá-los - tudo isso sentado no sofá da sala.

Por falar em sofá…

Hoje todos sabemos a facilidade que é para alguns trabalhar de casa. Mas isso tende a crescer cada vez mais.

Tecnologias como a realidade virtual e realidade aumentada tornarão o trabalho no escritório uma despesa desnecessária.

Em 2030, trabalharemos em um mundo de espaços virtuais onde simplesmente colocamos um fone de ouvido e nos juntamos a equipes de todo o mundo, usando avatares realistas que imitam o comportamento humano.

Inteligência Artificial - Perigo para alguns, oportunidade para outros

A inteligência artificial será definitivamente o novo normal. E você pode pensar nela de duas formas: ou ela vai te expulsar do mercado, ou vai revolucionar seu trabalho te tornando um profissional bem mais disputado, porque sabe lidar com as inovações.

Pensa nessa matéria por exemplo, será que seria escrita por um humano em 2030? 

Recentemente, um artigo publicado pelo G1 mostrou como a IA está evoluindo rapidamente. O ChatGPT obteve 680 na redação do ENEM, com um texto escrito apenas em 50 segundos. Isso é uma grande evolução em relação aos modelos de IA anteriores e sugere que até 2030, os textos gerados por esses modelos serão ainda melhores.

E se você não acredita em mim, quem escreveu o parágrafo acima foi o próprio ChatGPT.

Mas essa matéria não é para causar medo em nenhum redator nem nada do tipo. É mais um alerta de oportunidade.

É claro que os redatores que não se atualizarem, por exemplo, poderão ter problemas. Mas a inovação permite que você renove seu trabalho e otimize seu tempo de forma bem mais estratégica, prazerosa e eficiente.

Se você quiser aprender mais sobre inovação, confira a masterclass gratuita da Future Dojo sobre os 6 princípios da inovação radical. Clique aqui para conferir

O que o ChatGPT tem a te dizer sobre essas inovações?

Ei, meu nome é ChatGPT e estou aqui para te apresentar uma oportunidade incrível para se destacar no mercado de trabalho até 2030

Dominar a inovação é uma oportunidade incrível para se destacar no futuro. Com o avanço constante da tecnologia e o surgimento de novas tendências, as empresas e indivíduos que estiverem dispostos a aprender e se adaptar às novidades terão uma vantagem competitiva enorme.

A inovação permite que as empresas criem novos produtos e serviços, ampliem seus mercados e aumentem sua eficiência. Além disso, a inovação também pode ser usada para resolver problemas sociais e ambientais, criando oportunidades para empreendimentos e negócios sustentáveis..

Pensando nisso, a Future Dojo lançou uma masterclass gratuita. A aula será ministrada pelo renomado Pedro Waengertner, co-fundador da ACE e autor do livro best seller “A estratégia da inovação radical”.

E ele vai te ensinar como aplicar inovação usando 6 princípios de organizações de ponta do Vale do Silício. Até a próxima!

Se quiser conferir a masterclass da Future Dojo, clique aqui ou no link abaixo.

Quero aprender inovação de forma gratuita