Carreira

Os fatores da migração

Como acontece a transferência de mão-de-obra das grandes para as pequenas empresas: Reestruturação dos negócios As empresas estão terceirizando e investindo em fornecedores, distribuidores e parceiros. Isso expande o emprego nas empresas menores. Necessidade profissional Como o enxugamento é uma realidade sem volta, os profissionais estão adiantando o passo e saindo antes que possam ser […]

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de outubro de 2008 às 09h31.

Como acontece a transferência de mão-de-obra das grandes para as pequenas empresas:

Reestruturação dos negócios

As empresas estão terceirizando e investindo em fornecedores, distribuidores e parceiros. Isso expande o emprego nas empresas menores.

Necessidade profissional

Como o enxugamento é uma realidade sem volta, os profissionais estão adiantando o passo e saindo antes que possam ser demitidos.

Motivação

Os profissionais se realizam mais onde enxergam o todo, em vez de ser meras peças na engrenagem.

Imagem das grandes empresas

Derrocadas como a da Enron e a da Arthur Andersen e o caso Transbrasil, por aqui, ajudam a derrubar a imagem de infalível das grandes empresas.

Empreendedorismo

Os profissionais sonham em ser o próprio patrão. Detestam chefes que anestesiam a criatividade em nome da burocracia das grandes corporações.

Tecnologia

Internet, fax e celular democratizaram a informação. Com pouco dinheiro e muito conhecimento, qualquer um pode competir com uma grande.

Terceiro setor

As ONGs e os institutos sociais estão empregando cada vez mais pessoas que enxergam no bem uma oportunidade de carreira e chance de realização pessoal.

Fonte: Cesar Souza, partner do Monitor Group

Acompanhe tudo sobre:[]

Mais de Carreira

Últimas vagas: pré-MBA em finanças corporativas começa nesta 2ª feira; veja como assistir

Veja 6 estratégias essenciais para empreender no Brasil, segundo o treinador Bernardinho

Da roça para Paris: a história inspiradora do atleta “Maranhão” que irá disputar as Olimpíadas

De estilista a presidente: os 4 passos para alcançar o sucesso, segundo a CEO do Grupo Malwee

Mais na Exame