Massagem e danone à vontade: conheça o novo escritório da fabricante de alimentos Danone

Companhia adotou o modelo híbrido e saiu de quatro para três andares ocupados no prédio localizado em São Paulo. Para receber os funcionários de volta, local foi totalmente repaginado
Novo escritório da Danone: empresa reabriu as portas para os funcionário depois de dois anos de home office por conta da pandemia (Danone/Divulgação)
Novo escritório da Danone: empresa reabriu as portas para os funcionário depois de dois anos de home office por conta da pandemia (Danone/Divulgação)
L
Luciana Lima

Publicado em 07/09/2022 às 08:04.

Última atualização em 07/09/2022 às 13:08.

Em julho, depois de dois anos em que os funcionários da área corporativa estavam em home-office, a Danone reabriu o seu escritório principal.

Onde fica o escritório da Danone?

A sede corporativa da empresa fica localizada em São Paulo, na região da Avenida Paulista. E, assim como outras empresas, a fabricantes de alimentos optou pelo modelo híbrido de trabalho.

A recomendação é que os 800 funcionários localizados na capital paulista compareçam ao escritório dois dos cinco dias da semana.

Novo escritório da Danone em São Paulo: empresa saiu de quatro para três andares (Danone/Divulgação)

"Mas não há uma obrigação, também deixamos o dia da semana à escolha dos funcionários, sem a exigência de ser segunda ou terça, por exemplo", diz Letícia Araújo, head de Cultura, Treinamento, Desenvolvimento e Diversidade da Danone Brasil.

Com a mudança de modelo de trabalho, a companhia saiu de quatro para três andares ocupados no prédio de São Paulo. O retorno ao presencial não quer dizer, porém, que a empresa não aprovou a experiência do home-office.

Assim como grande parte das organizações, a Danone está em busca de um modelo que garanta a flexibilidade adquirida nos anos de isolamento, mas recupere a conexão entre os times, algo difícil de ser feito à distância.

Sede conta com geladeiras com produtos à disposição e mini-lojas com descontos para os funcionários (Danone/Divulgação)

"A empresa funcionou brilhantemente, mas quando olhamos para as trocas e o senso de coletividade isso ficou mais difícil, especialmente para quem entrou depois da pandemia", afirma a executiva.

"Entendemos que as relações humanas dentro da companhia começaram a ficar rasas. Fora isso que, caso continuássemos 100% em home office, seria difícil para os novos funcionários sentirem nossa cultura", completa.

Mas, antes de reabrir as portas, a Danone resolveu reformar o escritório. Agora, cada andar tem um "tema" específico. No primeiro andar, por exemplo, concentram-se todas as áreas de atendimento ao funcionário, como ambulatório, espaço de eventos, recursos humanos e lactário.

No segundo, são as estações de trabalho. Embora não existam lugares fixos, o espaço foi dividido por "bairros", que correspondem às áreas da empresa. Já no último, é onde ficam a diretoria e as salas de reunião.

Novo escritório da Danone em São Paulo: empresa adotou o modelo híbrido pós-pandemia (Danone/Divulgação)

Lactário da Danone passou a ser aberto ao público

Uma novidade é que o espaço para amamentação, que já existia, deixou se restrito para os funcionários da Danone e passou a ser aberto para todas as pessoas do prédio em que o escritório está localizado.

"A questão da parentalidade é algo bastante importante para a Danone. Durante a semana de inauguração, fizemos uma parceria com a Filhos no Currículo e personalizamos canecas com o nome dos filhos dos funcionários. Queríamos reforçar que ter filhos é algo bem-vindo aqui", afirma Araújo.

Entre as práticas diferentes relacionadas ao tema, a executa cita que, para incentivar o equilíbrio entre carreira e maternidade, a Danone arca com os custos de acompanhantes para as funcionárias que são mães e precisam viajar.

Fora isso, os gestores recebem um treinamento específico para receber as mães no retorno da licença-maternidade.

Novo escritório da Danone em São Paulo: andares foram divididos por "temas" (Danone/Divulgação)

Além da questão da parentalidade, a Danone aproveitou a semana de inauguração para reforçar outros valores como a diversidade.

Por isso, uma das atividades da programação, que durou cinco dias inteiros, foi a presença da Downlícia, empresa de brigadeiros gourmet fundada pelo chef Gabriel Bernardes, que é uma pessoa com síndrome de down. 

"Também contratamos pessoas agênero, além de criarmos flyers explicando todo o novo conceito do escritório. A inauguração também contou com um café da manhã especial", afirma Araújo.

Mas, quem trabalha na Danone pode comer danone de graça?

A resposta é sim. No escritório, à disposição dos funcionários há uma geladeira com frutas, bebidas e iogurtes da Danone. Já para quem quiser saborear outro produto do portfólio da fabricante existe uma loja interna em que é possível comprar todos os itens da companhia com desconto.

Fora isso, entre os novos benefícios com a inauguração do novo espaço, estão as sessões de quick massage, que acontecem duas vezes na semana.

"Estamos colocando os funcionários no centro das decisões, deixamos de vir com respostas prontas e passamos a ouvi-los mais", afirma Araújo.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.