Carreira

Quanto ganha um enfermeiro? Saiba mais sobre a carreira

Saiba mais sobre a carreira na área da enfermagem: quanto ganha, quais as áreas e mais

 (Divulgação / Getty Images)

(Divulgação / Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 10 de maio de 2024 às 08h17.

Tudo sobreGuia de Carreira
Saiba mais

A carreira de enfermagem é uma das profissões mais essenciais e gratificantes no campo da saúde.

Este artigo explora as diversas facetas desta profissão vital, desde a formação necessária até as especializações disponíveis, passando pelas responsabilidades diárias dos enfermeiros e as oportunidades de avanço na carreira.

Descubra como a enfermagem desempenha um papel fundamental na promoção do bem-estar dos pacientes e na entrega de cuidados de qualidade em uma variedade de cenários de saúde.

O que faz um profissional de enfermagem?    

Um profissional de enfermagem desempenha um papel vital na área da saúde, oferecendo cuidados e assistência direta aos pacientes em uma variedade de ambientes, como hospitais, clínicas, lares de idosos e até mesmo em domicílio.

Suas responsabilidades incluem monitorar sinais vitais, administrar medicamentos, realizar curativos, auxiliar em procedimentos médicos, fornecer apoio emocional e educar pacientes e suas famílias sobre cuidados de saúde preventivos e tratamentos.

Além disso, o enfermeiro trabalha com outros membros da equipe de saúde, como médicos, terapeutas e assistentes sociais, para garantir o bem-estar abrangente dos pacientes. Eles também desempenham um papel crucial na defesa dos direitos e na promoção da dignidade dos pacientes.

A profissão de enfermagem exige habilidades técnicas, compaixão, empatia e a capacidade de trabalhar sob pressão, muitas vezes lidando com situações desafiadoras e emocionalmente exigentes. É possível construir uma carreira profissional de sucesso com um bom trabalho e formação.

Como é a formação em enfermagem?    

A formação em enfermagem oferece duas trajetórias principais: o técnico em enfermagem, que envolve um curso técnico, e o enfermeiro, que requer uma graduação em enfermagem.

O curso técnico geralmente tem duração de dois a três anos e prepara os alunos para cuidar diretamente dos pacientes sob a supervisão de enfermeiros registrados.

Já a graduação em enfermagem é um curso de enfermagem com duração média de quatro anos, que oferece uma educação mais abrangente, incluindo aspectos teóricos, práticos e de pesquisa.

Após a graduação, os enfermeiros têm a opção de se especializar em áreas específicas, como pediatria, oncologia, saúde mental, entre outras, por meio de programas de pós-graduação, como mestrado ou doutorado.

Essa especialização permite que os profissionais aprofundem seus conhecimentos em uma área específica e se tornem especialistas altamente qualificados em seu campo de atuação.

Além da especialização voltadas ao trabalho profissional, enfermeiros que quiserem se dedicar à pesquisa podem fazer mestrado ou PhD para publicar artigos, livros e buscar o estado da arte em sua área.

Quanto anos leva o curso de enfermagem?

A graduação em enfermagem é um curso de nível superior que leva em média quatro anos para ser concluído. Este programa oferece uma educação mais abrangente, incluindo aspectos teóricos, práticos e de pesquisa, preparando os estudantes para assumir papéis mais complexos na área da saúde.

Para o técnico em enfermagem, a formação pode levar de 18 a 36 meses. O curso técnico de enfermagem pode ser feito individualmente ou de maneira concomitante ao ensino médio.

Quais são as especializações de enfermagem    

As especializações em enfermagem são diversas e abrangem uma variedade de áreas de atuação dentro do campo da saúde.

A enfermagem pediátrica concentra-se no cuidado de crianças e adolescentes, enquanto a obstétrica está envolvida no cuidado de mulheres durante a gravidez e o parto.

A enfermagem do trabalho concentra-se na promoção da saúde e segurança no ambiente de trabalho, prevenindo acidentes e doenças ocupacionais, além de oferecer suporte aos trabalhadores em questões relacionadas à saúde ocupacional.

A enfermagem cirúrgica trabalha em colaboração com cirurgiões durante procedimentos cirúrgicos, e a oncológica oferece suporte a pacientes com câncer.

Por fim, a enfermagem geriátrica dedica-se ao cuidado de idosos, abordando questões relacionadas ao envelhecimento e doenças crônicas.

Quanto ganha um profissional de Enfermagem?

Em geral, os técnicos em enfermagem tendem a ganhar menos do que os enfermeiros com graduação. 

O piso salarial para enfermeiro sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) é agora de R$ 4.750, de acordo com a legislação. Técnicos de enfermagem devem receber pelo menos 70% desse valor, o que corresponde a R$ 3.325, enquanto auxiliares de enfermagem e parteiras têm direito a 50%, ou seja, R$ 2.375.

Segundo dados do InfoJobs, enfermeiros ganham em média R$ 4.560 por mês, que pode variar dependendo da região e do local de trabalho.

Ao se discutir quanto ganha um enfermeiro, é válido notar que esses profissionais especializados ou com cargos de liderança podem receber salários mais altos.

Quanto ganha um Auxiliar de Enfermagem?

Os salários de um auxiliar de enfermagem variam de acordo com vários fatores, incluindo localização geográfica, experiência, tipo de instituição empregadora e certificações adicionais. No Brasil, o piso de um auxiliar de enfermagem é de R$2375 por mês.

Em algumas áreas mais urbanas e em instituições de saúde maiores, o salário tende a ser mais alto, enquanto em regiões rurais ou em instituições menores, pode ser exatamente o piso salarial. 

Além disso, auxiliares de enfermagem que trabalham em unidades especializadas ou com certas habilidades adicionais podem receber salários mais altos. Para crescer na carreira, ele deve buscar feedback e aprender em cima destes.

Diferenças entre um técnico de enfermagem e um enfermeiro?

As diferenças entre um técnico de enfermagem e um enfermeiro são significativas em termos de formação, responsabilidades e competências.

Um técnico de enfermagem geralmente completa um curso técnico de enfermagem, que tem duração de dois a três anos. Seu foco principal é em habilidades práticas de cuidados diretos aos pacientes, como administrar medicamentos, realizar curativos e coletar amostras para exames, sempre sob supervisão de enfermeiros registrados ou médicos.

Por outro lado, um enfermeiro obtém uma graduação em enfermagem, que geralmente requer quatro anos de estudo em uma universidade. É possível fazer enfermagem EAD também.

Além das habilidades práticas semelhantes às de um técnico, um enfermeiro também recebe uma educação mais ampla em aspectos teóricos, pesquisa e liderança em saúde.

Eles são responsáveis por avaliar pacientes, elaborar planos de cuidados, coordenar equipes de saúde e fornecer educação e suporte aos pacientes e suas famílias. Mostrando suas experiências, ele pode impressionar em sua entrevista de emprego.

Você quer saber mais sobre carreira e vida profissional? Então leia nossos outros artigos abaixo:

Acompanhe tudo sobre:Guia de Carreira

Mais de Carreira

Ofensas a colega fora do ambiente de trabalho podem gerar justa causa?

Lavender ceiling: a comunidade LGBTQIAP+ enfrenta barreiras "invisíveis" na sua empresa?

Personal branding: Como comunicar ao mercado quem você é como profissional?

Dia Mundial das Mulheres na Engenharia: Como atrair mais mulheres para a indústria?

Mais na Exame