Agibank contratou uma pessoa por hora em junho – e ainda tem vagas

Foram 269 vagas preenchidas no último mês e a empresa ainda espera contratar mais 250 pessoas até o final do ano
 (Agibank/Rafa Cusato/Divulgação)
(Agibank/Rafa Cusato/Divulgação)
Por Luísa GranatoPublicado em 19/07/2021 14:17 | Última atualização em 19/07/2021 15:08Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Para conseguir dimensionar o ritmo de suas contratações, o Agibank pensou em um cálculo diferente: um profissional foi contratado para cada hora de trabalho em junho.

Foram 269 vagas preenchidas no último mês e a empresa ainda espera contratar mais 250 pessoas até o final do ano.

O aumento foi de 228% nas contratações comparando o primeiro semestre de 2020 com 2021. Para o cálculo da contratação por hora, foram considerados os dias e horas úteis do mês.

A conta também leva em consideração as posições no Agibank e na Hypeflame, sua empresa de tecnologia e dados. A maior parte das vagas foi para a Hypeflame e para as áreas de atendimento.

"Estamos ampliando o time de colaboradores, trazendo talentos de vários segmentos na estratégia de expansão do nosso negócio. A expectativa é que contratemos mais de 250 profissionais até o final do ano", diz Lucas Aguiar, diretor de Gente e Governança.

Esse ritmo acompanha o plano de expansão da empresa fundada em 1999 por Marciano Testa, atual CEO do banco. No ano passado, a empresa transferiu sua sede o Agi Campus, em Campinas, um ambiente sustentável de 19 mil metros quadrados.

Entre as novidades ainda em 2021, um programa de estágio nacional deve ser lançado nos próximos meses.

Segundo o CEO, em entrevista para o podcast Como Cheguei Aqui, o plano é ser o banco “do neto ao avô”.

O empreendedor está de olho nos mais de 50 milhões de brasileiros com mais de 50 anos ao oferecer o atendimento presencial em mais de 800 hubs pelo Brasil. E se prepara para chegar a 2.000 locais de atendimento até 2025, atento a um futuro em que essa população chegará a 98 milhões.

Confira as vagas abertas pelo site.