Acompanhe:
seloCarreira

4 deslizes de português frequentes no mundo corporativo

Professor Diogo Arrais indica alguns erros de concordância verbal bastante cometidos em relatórios e e-mails profissionais

Modo escuro

Continua após a publicidade
Tropeço: cuidado com a concordância verbal

Tropeço: cuidado com a concordância verbal

D
Diogo Arrais, professor de língua portuguesa

Publicado em 31 de janeiro de 2017 às, 12h58.

Última atualização em 31 de janeiro de 2017 às, 15h57.

Após a construção textual, é aconselhável sempre revisar. Seja detalhista: verifique plural, singular, concordância, vírgula, acento grave. Além disso, dê mais atenção ainda ao verbo.

Para o texto de hoje, trouxe alguns trechos, comuns no mundo corporativo, com "deslizes verbais:

1."Neste mês, aconteceu diversas reuniões produtivas. Parabéns a todos!"

 Segundo nossas regras gramaticais, o verbo deve concordar com o sujeito. No caso acima, o sujeito do verbo acontecer é "diversas reuniões", que está no plural, exigindo o verbo igualmente no plural.

 2. " Após a análise do produto, cremos que já devem fazer mais de três meses de fabricação."

 Apesar do excelente uso da vírgula (separando a expressão adverbial), o verbo fazer - quando se refere a tempo decorrido - não deve sofrer a pluralização.

Dessa forma, mesmo estando em locução verbal (deve fazer), o auxiliar permanece no singular:  "deve fazer mais de três meses" ou  "faz mais de três meses".

3. "Analisou-se todos os produtos em questão. Atenciosamente, ..."

            A forma correta seria o verbo no plural. A presença da partícula apassivadora "se" faz a frase ser passiva, ou seja, o sujeito é quem sofre a ação do verbo (todos os produtos). É  o mesmo que "Todos os produtos em questão foram analisados."

4."O resultado da pesquisa foi números assustadores."

 Entre o singular e o plural, a concordância do verbo deve ser feita preferencialmente no plural.

Se o sujeito estiver no singular e o predicativo no plural, a concordância do verbo SER faz-se preferencialmente no plural:  "Tudo são resultados."

  Se o sujeito estiver no plural e o predicativo no singular, a concordância do verbo SER faz-se preferencialmente no plural: "Estes produtos foram a salvação da empresa."

 Em outras palavras:  pela regra, o verbo poderia estar tanto no singular quanto no plural. A preferência da maioria dos gramáticos é o verbo no plural (diante das condições acima).

             Venha estudar comigo! Um grande abraço e até a próxima!

            Diogo Arrais

@diogoarrais

Professor de Língua Portuguesa - CPjur

Autor Gramatical pela Editora Saraiva

Últimas Notícias

Ver mais
O truque simples que pode te fazer ser contratado na hora — mas que muitos ignoram
seloCarreira

O truque simples que pode te fazer ser contratado na hora — mas que muitos ignoram

Há 4 horas

Liderança: o que é e qual a importância no mercado corporativo
seloCarreira

Liderança: o que é e qual a importância no mercado corporativo

Há 5 horas

Quer trabalhar de qualquer lugar do mundo? Veja as vagas home office disponíveis nesta semana
seloCarreira

Veja as vagas home office disponíveis nesta semana

Há 21 horas

Concurso Caixa: após 10 anos, haverá vagas para ampla concorrência; veja como se preparar
seloCarreira

Concurso Caixa: após 10 anos, haverá vagas para ampla concorrência; veja como se preparar

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais