Bússola
Acompanhe:
Um conteúdo Bússola

Green Rio 2022 terá domo de experimentos do Instituto Amazônia 4.0

Evento gratuito de bioeconomia mundial será realizado na Marina da Glória entre hoje e 3 de setembro e terá presença do Ministério da Ciência e Tecnologia

Evento conta com German-Brazilian Bioeconomy Workshop (Fabio Cavalcanti/Divulgação)

Evento conta com German-Brazilian Bioeconomy Workshop (Fabio Cavalcanti/Divulgação)

B
Bússola

1 de setembro de 2022, 11h00

Por Bússola 

A Marina da Glória, no Rio de Janeiro, mais uma vez será palco de um dos principais eventos voltados à bioeconomia mundial. A décima edição do Green Rio / Green Latin America - plataforma para negócios, inovação e pesquisa em bioeconomia e economia verde – acontece entre hoje e 3 de setembro, com entrada gratuita. A edição de 2022, que volta a ser 100% presencial após a pandemia da covid-19, e vai marcar também o Dia da Amazônia, comemorado em 5 de setembro, traz muitas novidades. Entre elas, o domo geodésico do Laboratório criativo do Instituto Amazônia 4.0. 

O orador do Green Rio será Alexandre Alonso Alves, Chefe Geral da Embrapa Agroenergia. O Ministro da Ciência e Tecnologia (MCTI), Paulo Alvim também confirmou presença no evento.  

De forma inédita, o Green Rio terá uma atração que vai despertar a curiosidade dos participantes: o domo geodésico do Laboratório Criativo do Instituto Amazônia 4.0, que junta ancestralidade e futurismo. “O objetivo é proporcionar algumas experiências, colocando os nossos equipamentos 4.0, demonstrando o processo de agregação de valor da amêndoa de cacau até o chocolate produzido”, diz Ismael Nobre, diretor do Instituto, que desenvolve tecnologias e métodos avançados para transformar insumos amazônicos em produtos de altíssimo valor agregado, desenvolver uma bioindústria poderosa, capacitar o povo local em produção e em negócios e criar alternativas urgentemente necessárias contra o desmatamento. 

O evento vai receber, mais uma vez, o German-Brazilian Bioeconomy Workshop, que terá presença de importantes instituições, como o MCTI e a Fiocruz. A Fundação vai apresentar o programa ArticulaFito, uma pesquisa em parceria com a Alemanha sobre plantas voltadas para a produção de cosméticos e fitoterápicos. 

Nesse ano de 2022, pela primeira vez, o evento terá a presença do Sistema de Cooperativas de Crédito Sicoob Rio. Em um estande, o time de negócios das cooperativas filiadas ao Sicoob Rio, oferecerá produtos e serviços financeiros, como crédito, consórcio, financiamento, seguros, dentre outros, para o público empresarial, produtores rurais (associações, cooperativas, outros), profissionais autônomos e consumidores interessados em economia verde e sustentabilidade.  

“Nossa expectativa ao participar do Green Rio é fomentar um setor tão importante para o Rio de Janeiro e para o país. Como somos uma instituição financeira cooperativa, temos o compromisso de promover o desenvolvimento das regiões onde estamos presentes. Levaremos produtos e serviços financeiros para toda a cadeia produtiva e para todos os participantes, com ótimas taxas e condições atrativas”, declara Nábia Jorge, Diretora executiva do Sicoob Rio. 

Outra novidade será a realização da primeira ação na América Latina do AL-Invest Verde PI - Fundo europeu para a promoção da propriedade intelectual ao serviço da inovação -, com o apoio do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi). O objetivo do projeto – um dos eixos do programa Al-Invest Verde – é promover uma maior utilização e eficácia dos direitos de Propriedade Intelectual (PI), particularmente nos países do Mercosul, criando oportunidades de cooperação em pesquisa e estimulando a competitividade e a inovação, incluindo a inovação verde.  

“A estreia do fundo europeu na América Latina contará com ações que envolvem a disseminação da cultura da PI e a promoção de seu uso na transição para uma economia sustentável. Para isso, no Green Rio, haverá um estande com profissionais do INPI e do projeto, que poderão esclarecer dúvidas para o público presente, uma sala exclusiva para a realização de workshop, além de um painel na programação principal do evento que abordará a propriedade intelectual e a economia verde”, diz Mariano Riccheri, líder do Al-Invest Verde PI. 

Ao longo dos três dias de programação, nomes como da professora Sabine Schlüter - do projeto Trabbio, das universidades alemãs Clausthal e Colônia – e Geiza Rocha, secretária-geral do fórum permanente de desenvolvimento da Alerj, que vão falar sobre tema como “Transformação dos Resíduos de Biomassa em Materiais Manejáveis e Fontes de Energia” e “Rio se Janeiro Cenários, Desafios e Oportunidades”, respectivamente.   

“A expectativa é muito grande para a realização do Green Rio de forma totalmente presencial, nessa retomada pós-pandemia. Um dos nossos diferenciais é que todo novo evento tem uma consequência do anterior. Nesse, eu cito o exemplo da parceria da Fiocruz com a Alemanha. Essa conversa foi iniciada na edição de 2021 e espero que a parceria tenha sequência na próxima edição”, diz Maria Beatriz Costa, coordenadora do Green Rio. 

Expositores 

A feira vai reunir mais de 90 expositores, que vão oferecer produtos e novidades relacionados à agricultura, biodiversidade, economia verde e produção sustentável.  

Entre as atrações, um espaço voltado à inovação com a presença de startups digitais do Brasil e do exterior, como a americana Arable, que fornece inteligência de dados para a área agrícola e tem o objetivo de transformar para sempre o impacto da agricultura no planeta.  

A Quíper Fresh, do Rio Grande do Sul, uma empresa que desenvolve soluções para prolongar a vida de frutas, verduras e legumes, evitando o desperdício de alimentos, também estará presente, assim como a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

A Icrop alia o conhecimento e a presença dos seus especialistas em campo com as tecnologias mais recentes para formatar soluções completas que proporcionam alta performance à lavoura. 

A Já Entendi é uma plataforma especializada em treinamento e capacitação profissional online e oferece videoaulas para empresas que buscam reduzir custos sem perder qualidade. 

O Sebrae RJ estará com sete startups e nove pequenas empresas na área de negócios de impacto. O Sebrae AM vai reunir no seu estande pequenas empresas do estado que trabalham com produtos da biodiversidade. Já o Sebrae MS vai trazer para o Rio de Janeiro empreendimentos do Mato Grosso do Sul, inclusive do bioma Pantanal. 

A empresa paulista Korin, conhecida como produtora de frangos orgânicos, levará sua linha completa de alimentos naturais e orgânicos. 

A Finep (Financiadora de Estudos e Projetos) – uma das apoiadoras do evento – também estará com um stand. 

A Fecomércio RJ, por meio do Instituto Fecomercio de Sustentabilidade,  promoverá oficinas e palestras de temas diversos. O SESC vai apresentar o programa Mesa Brasil, que promove ações educativas nas áreas de nutrição e serviço social.  

O Ministério da Agricultura também tem presença confirmada no Green Rio. No estande, serão apresentados projetos voltados para essa área, no estado do Rio de Janeiro, incluindo rodas de conversa. 

O Ministério da Ciência e Tecnologia terá pela primeira vez, um estande em parceria com a Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial), onde também acontecerão palestras. 

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Engie aposta na venda digital de certificados de energia renovável 

ESG: Você está preparado para escapar do golpe do greenwashing? 

Imóveis sustentáveis geram economia superior a 20% em água e energia