Um conteúdo Bússola

Fintech cresce 20% ao ano e valida R$ 4 bi de empréstimos ao mês com AI

A plataforma de onboarding, que faz parte da vertical Sinqia Digital, analisou eletronicamente, apenas no primeiro trimestre, 13 milhões de propostas
Com mais praticidade o produto é melhor performado (FADEL SENNA/AFP/Getty Images)
Com mais praticidade o produto é melhor performado (FADEL SENNA/AFP/Getty Images)
B
BússolaPublicado em 24/06/2022 às 19:01.

Por Bússola  

A Simply, fintech de transformação digital do setor financeiro, que há um ano foi adquirida pela Sinqia, provedora de tecnologia para o mercado financeiro,  

vem crescendo 20% ao ano. A empresa de automação digital dos processos de onboarding para operações complexas, como a abertura de contas-correntes e empréstimos consignados, analisou eletronicamente, apenas no primeiro trimestre, 13 milhões de propostas. 

O crescimento da companhia já estava previsto quando 100% da Simply foi comprada pela Sinqia. “Por meio de inteligência artificial aplicada, é possível validar mais de 20 milhões de imagens, 5 milhões de propostas e formalizar mais de R$ 4 bilhões em empréstimos ao mês”, afirma Roberto Rigotto, fundador da Simply ao lado de Gustavo Valadares. Ambos integram o quadro de executivos acionistas da Sinqia Digital.  

A proposta da Simply visa trazer disrupção para as instituições financeiras, desde o onboarding, cadastro e formalização digital das propostas, até a captura de dados e validação eletrônica dos documentos e finalização de todos os processos, de ponta a ponta”, diz Gustavo. “Além disso, focamos na melhoria da experiência do cliente e na redução significativa do custo operacional dessas etapas para a instituição, sem abdicar da privacidade e segurança”, declara. Atualmente, a Simply atende toda a base da Sinqia, entre eles, bancos digitais e fintechs. 

“Somos uma plataforma utilizada por clientes grandes em processos críticos e de alto volume. Outro diferencial da Simply, é o de estar na vertical Sinqia Digital, permitindo conexões com outras soluções e empresas do ecossistema Sinqia e Torq, como, por exemplo, soluções de big data, blockchain, inteligência artificial e modelos preditivos”, afirma Gustavo. 

Para o CEO da Sinqia, Bernardo Gomes, a integração com a Simply aumenta toda a escalabilidade dos negócios. “As novas soluções que disponibilizamos para mercados pouco explorados são bem mais ágeis de implantar. Isso contribui para acelerar de maneira relevante o crescimento orgânico de todas as operações”, afirma. 

Assim como a Sinqia que apresentou um valor de mercado de R$ 1,75 bilhão, e alta de 20,1% no último trimestre, conforme resultados divulgados no última semana, a Simply segue em pleno crescimento nos negócios. Na vertical, a fintech hoje atende três dos cinco maiores bancos do Brasil, Isso evidencia a alta demanda por soluções para a transformação digital, cujo crescimento no volume de propostas analisadas em relação ao primeiro trimestre de 2021 cresceu 66%. Apenas nos últimos dois meses, a empresa bateu um recorde de 11,6 milhões de propostas eletrônicas analisadas. 

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

ESG: histórico, materialidade e relevância 

Por que o mercado de criptomoedas no Brasil precisa de uma nova lei 

Prio é a primeira patrocinadora do Reação Offshore