Acompanhe:

Obra do metrô desaba em São Paulo e interdita Marginal Tietê

Um desmoronamento ocorreu por volta das 9h e abriu um buraco na pista local

Modo escuro

Continua após a publicidade
Marginal: Segundo a corporação, todos os trabalhadores conseguiram sair do local (Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo)

Marginal: Segundo a corporação, todos os trabalhadores conseguiram sair do local (Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo)

A
André Martins

Publicado em 1 de fevereiro de 2022 às, 10h19.

Última atualização em 1 de fevereiro de 2022 às, 18h13.

Um acidente na obra do Metrô da Linha 6-Laranja, entre da Ponte do Piqueri e da Freguesia do Ó, no sentido Ayrton Senna, na Zona Norte de São Paulo, interditou totalmente a Marginal Tietê na manhã desta terça-feira, 1. Segundo informações do corpo de bombeiros, não há vítimas registradas.

Um desmoronamento ocorreu por volta das 9h e abriu um buraco na pista local. O trânsito no local está totalmente bloqueado, o que causa lentidão para quem trafega pela área. Parte de uma das faixas da pista local da Marginal já cedeu. 

Imagens aéreas da TV Globo mostraram o asfalto se desfazendo e uma grande quantidade de água dentro do local onde a construção ocorria.

Em um primeiro momento, o Corpo de Bombeiros havia informado que a escavação feita por um "tatuzão" -- maquina que realiza a abertura de tuneis -- atingiu algum rio ou adutora, o que fez com que o túnel escavado se inundasse. Segundo a corporação, todos os trabalhadores conseguiram sair do local e dois funcionários da obra que tiveram contato com a água contaminada foram socorridos “por precaução”.

Já ao portal G1, o Secretário de Transportes Metropolitanos, José Galli, disse que o rompimento de uma coletora de esgoto próximo ao poço causou o acidente, mas que este não teria sido causado pelo tatuzão.

“Houve o rompimento da galeria que passa no sentido transversal ao túnel e houve o início de vazamento às 8h21. O solo não aguentou. A tuneladora passava a 3 metros dessa galeria, portanto não houve um impacto da tuneladora com a galeria”, afirmou o secretário, que disse não ser ainda possível estimar possíveis atrasos nas obras da Linha 6-Laranja, cuja entrega é prevista para 2025.

Em entrevista coletiva no local, o governador João Doria reforçou a informação sobre a causa do acidente e anunciou no início da tarde que o trânsito seria liberado imediatamente. "Esta pista da Marginal e a alça serão liberadas de imediato porque já se constatou que não há nenhum risco para a operação desta pista. Já vai aliviar bastante o trânsito que se acumulou – declarou o governador. – Esta pista interna, ainda não. Por segurança ela continuará sendo imobilizada pela equipe da Prefeitura – explicou Doria.

Ao lado do governador, o presidente da Acciona no Brasil, André De Angelo, negou que a máquina que perfura o túnel tenha se chocado com a rede de esgoto.

"Não houve nenhum choque entre o tatuzão com as redes coletoras ou adutoras. Não houve nenhum choque", assegurou. "Estamos buscando as causas agora. Provavelmente tem a ver com as chuvas, com erosões, porque a tuneladora estava a três metros dessa coletora, então não houve nenhum choque", insistiu.

A Marginal Tietê é uma das principais vias expressas da cidade de São Paulo e liga, por exemplo, a capital paulista às rodovias Presidente Dutra, Ayrton Senna e ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, o mais movimentado do país.

Transito em São Paulo

Dados da CET já mostravam o efeito do bloqueio sobre os indicadores de lentidão no trânsito da cidade. Por volta das 10h a lentidão atingiu a média superior do registro, com 5,9% das vias monitoradas. A Marginal sentido Ayrton Senna registrava engarrafamento estimado de 7 quilômetros, o que se reflete também em outras ruas e avenidas das imediações. Havia também lentidão no sentido contrário da Marginal Tietê.

Por volta das 13h, a CET informou que São Paulo mostrava 47 quilômetros de lentidão, sendo 15 deles na Zona Norte, e 31 na Zona Oeste.

Rodízio na cidade de São Paulo

Em razão da ocorrência, o rodízio municipal de veículos está suspenso nesta terça-feira, tanto o do período da manhã quanto o da tarde/noite.

Linha Laranja

A obra da Linha 6-Laranja é responsabilidade da concessionária Acciona. A Linha tem a previsão de interligar o bairro da Brasilândia, na zona norte, à Estação São Joaquim, na região central da capital.

A obra tem 15 quilômetros de estação e previsão de construção de 15 estações. A previsão do governo do estado é que a linha, quando estiver pronta, deverá transportar 630 mil passageiros por dia.

Paradas por quatro anos, desde setembro de 2016, as obras foram reiniciadas em outubro de 2020. O contrato da implantação, manutenção e operação da linha foi comprado pela empresa espanhola Acciona em 2019. Antes ele era do consórcio Move São Paulo (formado pela Odebrecht TransPort, a Queiroz Galvão e a UTC Engenharia).

Embora o contrato do consórcio anterior tenha sido assinado em 2013, as obras foram iniciadas apenas em abril de 2015 e paralisadas no ano seguinte. Em 2008, o estado chegou a noticiar que a linha começaria a operar de forma parcial em 2012 e integralmente três anos depois.

Acidente na Linha Amarela em 2007

Esse não é o primeiro acidente em obras do Metrô na cidade de São Paulo. Em 2007, um desmoronamento no canteiro de obras da Linha-4 Amarela onde estava sendo construída a estação Pinheiros provocou a abertura de uma cratera de 80 metros de diâmetro próximo da Marginal Pinheiros. Sete pessoas foram soterradas no desabamento e morreram. 

Com informações do Estadão Conteúdo e agência Reuters.

Últimas Notícias

Ver mais
Governo Tarcísio testará uso de IA para atualizar material didático de escolas de SP
Brasil

Governo Tarcísio testará uso de IA para atualizar material didático de escolas de SP

Há 3 horas

Enel SP apresenta a Nunes plano de investimento de R$ 6,2 bilhões entre 2024 e 2026
Brasil

Enel SP apresenta a Nunes plano de investimento de R$ 6,2 bilhões entre 2024 e 2026

Há 19 horas

Ônibus aquático é liberado, mas viação responsável é suspeita de elo com PCC
Brasil

Ônibus aquático é liberado, mas viação responsável é suspeita de elo com PCC

Há um dia

De menu assinado a comida brasileira: 3 opções de almoço executivo na região da República em SP
Casual

De menu assinado a comida brasileira: 3 opções de almoço executivo na região da República em SP

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais