Acompanhe:

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) é um instrumento que identifica e qualifica famílias de baixa renda para acesso a programas federais, como Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, entre outros.

Quem pode se inscrever no Cadúnico?

Para se inscrever no CadÚnico é necessário ter renda familiar mensal per capita de até R$ 89,00, ou renda familiar mensal total de até R$ 3.635,00. Além disso, a família deve atender a outros critérios estabelecidos pelo governo federal, como:

  • Morar em área urbana ou rural;
  • Estar em situação de vulnerabilidade social;
  • Ter interesse em participar de programas sociais do governo federal.

Como se inscrever e atualizar o Cadastro Único?

A inscrição no CadÚnico pode ser feita em qualquer unidade de atendimento do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). Para se inscrever, é necessário apresentar os seguintes documentos:

  • Documento de identificação com foto de todos os membros da família;
  • Certidão de nascimento ou casamento de todos os membros da família;
  • Carteira de trabalho de todos os membros da família maiores de 18 anos;
  • Comprovante de residência atualizado;
  • Comprovante de renda de todos os membros da família.

Após a inscrição, a família deve ficar atenta às convocações para atualização cadastral. A atualização cadastral é obrigatória para manter a família cadastrada no CadÚnico.

O CadÚnico é uma ferramenta importante para que famílias de baixa renda tenham acesso a programas sociais do governo federal. Se você está interessado em participar de programas sociais, faça a sua inscrição no CadÚnico.

Quanto tempo demora para o Cadastro Único entrar no sistema em 2023

A entrevista do Cadastro Único dura, em média, 1 hora para ser realizada. Já o agendamento do cadastramento é organizado por cada município de acordo com um calendário próprio. Assim, o tempo de espera até o atendimento presencial vai variar de cidade para cidade. Em vários municípios o governo local tem um número central de telefone, com opções que permitem agendar uma data para o cadastramento. O serviço é gratuito para o cidadão. Após o cadastro, o cidadão pode levar até 45 dias para entrar no sistema.

Quais programas sociais usam o Cadastro Único

Conheça os principais programas que utilizam o Cadastro Único:

  • Programa Bolsa Família;
  • Programa Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Isenção de Taxas em Concursos Públicos;
  • ID Jovem;
  • Carteira do Idoso;
  • Programa Minha Casa Minha Vida.

Quem tem direito ao Bolsa Família?

Para ter direito ao Bolsa Família, a principal regra é que a renda de cada pessoa da família seja de, no máximo, R$ 218 por mês. Ou seja, se um integrante da família recebe um salário mínimo (R$ 1.302), e nessa família há seis pessoas, a renda de cada um é de R$ 217. Como está abaixo do limite de R$ 218 por pessoa, essa família tem o direito de receber o benefício.

Leia também:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Zona Azul em SP: valor, aplicativo oficial e como pagar
Guia do Cidadão

Zona Azul em SP: valor, aplicativo oficial e como pagar

Há um dia

Pedágio Free Flow: o que é, como pagar e evitar multa por evasão
Guia do Cidadão

Pedágio Free Flow: o que é, como pagar e evitar multa por evasão

Há 2 dias

Exame toxicológico 2024: valor, quem precisa fazer e como renovar
Guia do Cidadão

Exame toxicológico 2024: valor, quem precisa fazer e como renovar

Há 2 dias

Como consultar o histórico de crédito do INSS (Hiscre)
Guia do Cidadão

Como consultar o histórico de crédito do INSS (Hiscre)

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais