Brasil

Centrais sindicais anunciam apoio a Ciro Gomes

"Nós não vamos pelo Datafolha ou pelo Ibope. Vamos com Ciro", afirmou o secretário-geral da Força Sindical

Ciro Gomes: as quatro centrais sindicais se opõe a CUT que apoia Fernando Haddad (Facebook Ciro Gomes/Divulgação)

Ciro Gomes: as quatro centrais sindicais se opõe a CUT que apoia Fernando Haddad (Facebook Ciro Gomes/Divulgação)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 19 de setembro de 2018 às 17h09.

São Paulo - A Força Sindical, a Confederação dos Sindicatos Brasileiros (CSB), a União Geral dos Trabalhadores (UGT), e a Nova Central Sindical anunciaram na tarde desta quarta-feira, 19, o apoio conjunto ao candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes.

De acordo com um dos assessores da campanha do pedetista, o apoio tem como objetivo fazer frente ao suporte que a Central Única dos Trabalhadores (CUT) dá ao candidato do PT, Fernando Haddad.

A aproximação de Ciro com sindicalistas já vem de longa data, mas foi estreitada pela presença de Antônio Neto na chapa do PDT ao Senado por São Paulo. Neto é presidente licenciado da CSB.

O anúncio do apoio é feito na sede do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Materiais de São Paulo, entidade ligada à Força Sindical.

"Nós trabalhadores temos a sorte de que pela esquerda há dois candidatos que estão bem. O companheiro Haddad, da CUT, e o Ciro, que tem o nosso apoio. Mas nós não vamos pelo Datafolha ou pelo Ibope. Vamos com Ciro", afirmou o secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, o Juruna.

Acompanhe tudo sobre:Centrais sindicaisCiro GomesEleições 2018PDT

Mais de Brasil

Governo cria sistema de emissão de carteira nacional da pessoa com TEA

Governo de SP usará drones para estimar número de morte de peixes após contaminação de rios

8/1: Dobra número de investigados por atos golpistas que pediram refúgio na Argentina, estima PF

PEC que anistia partidos só deve ser votada em agosto no Senado

Mais na Exame