Brasil

Bolsonaro vai depor à PF assim que tiver acesso à investigação, diz advogado do ex-presidente

Ao longo da manhã desta quarta, agentes da PF realizam buscas na casa de Bolsonaro em um condomínio residencial de Brasília

Bolsonaro: PF investiga suposta falsificação no cartão de vacinação. (Jair Bolsonaro/ Facebook/Reprodução)

Bolsonaro: PF investiga suposta falsificação no cartão de vacinação. (Jair Bolsonaro/ Facebook/Reprodução)

Publicado em 3 de maio de 2023 às 13h39.

O advogado Fabio Wajngarten, que atua defesa de Jair Bolsonaro (PL), disse no início da tarde desta quarta-feira, 3, que o ex-presidente vai prestar depoimento à Polícia Federal assim que tiver acesso à investigação da Operação Venire, que investiga a suposta adulteração de cartões de vacinação do ex-chefe do Executivo e de sua filha Laura. "Os autos estão com o ministro Alexandre de Moraes e já entramos com pedido para ter acesso", afirmou.

A afirmação é um certo recuo a uma decisão tomada pelo grupo político de Bolsonaro em reunião com presidente do PL, Valdemar da Costa Neto, de que o ex-presidente não iria depor, apurada mais cedo pelo Estadão/Broadcast.

Pela manhã, em entrevista a jornalistas Bolsonaro  disse que não tomou vacina contra a covid-19 e que estava "surpreso" com a operação da Polícia Federal. Ele teve a casa revistada pelos policiais federais em cumprimento a um mandado de busca e apreensão.

"O objetivo de busca foi o cartão de vacina. Eu não tomei vacina. Foi uma decisão minha depois de ler a bula da Pfizer. O cartão da minha esposa também foi fotografado. Ela tomou nos Estados Unidos, da Janssen. Minha filha Laura também não tomou. Eu fico surpreso [com a investigação]. Não tenho mais nada o que falar", disse o ex-presidente em frente a sua residência em Brasília, logo depois de saída da PF do local.

Ao longo da manhã desta quarta, agentes da PF realizam buscas na casa de Bolsonaro em um condomínio residencial de Brasília. O tenente-coroneMauro Cid Barbosa, ajudante de ordens durante o governo de Jair Bolsonaro, foi preso.

O que é a operação Venire da Polícia Federal?

Acompanhe tudo sobre:Jair BolsonaroOperação VenirePolícia Federal

Mais de Brasil

Governo sanciona lei que prevê plano de combate à violência contra mulher

PL do aborto: Conselho Federal da OAB aprova parecer que avalia texto como inconstitucional

Em SP, operação da Polícia Civil despeja projeto social na Cracolândia

PF recupera gravuras raras roubadas há 16 anos da Biblioteca Mário de Andrade, em SP

Mais na Exame