Brasil

Belém (PA) é mais honesta que Londres e Rio, diz ranking

A revista Reader's Digest testou a honestidade dos moradores de 6 cidades brasileiras com o teste da carteira "perdida". Empatada com NY, Belém bateu Rio e Londres


	Belém, no Pará: cidade é mais honesta que Salvador, Rio de Janeiro, Londres, Madri e Berlim, segundo a Reader's Digest
 (Cayambe/Wikimedia Commons)

Belém, no Pará: cidade é mais honesta que Salvador, Rio de Janeiro, Londres, Madri e Berlim, segundo a Reader's Digest (Cayambe/Wikimedia Commons)

DR

Da Redação

Publicado em 18 de novembro de 2013 às 13h34.

São Paulo - Depois de colocar São Paulo entre as cidades mais honestas em ranking global (mas limitado), a revista americana Reader’s Digest resolveu ampliar seu teste, incluindo mais 4 cidades brasileiras, além do Rio de Janeiro, que já estava presente. A capital paulista se manteve no primeiro lugar nacional, mas foi seguida de perto por Belém, no Pará (veja tabela abaixo).

Se fosse incluída no ranking internacional, o nível de honestidade da capital paraense se assemelharia ao de Nova York, nos Estados Unidos, e ao de Budapeste, capital da Hungria. Em ambas, 8 carteiras, de um total de 12, foram devolvidas.

E ficaria na frente de cidades europeias como Berlim, Londres e Madri. 

Em setembro, a revista americana Reader’s Digest fez uma pesquisa em 16 cidades do mundo para avaliar a honestidade de seus moradores. Nada muito elaborado ou de alto valor estatístico: 12 carteiras foram propositalmente "perdidas" junto com um cartão com dados de seu dono fictício. O objetivo era ver quantas seriam devolvidas.

Naquela ocasião, o Rio era a única representante brasileira. Apesar de empatar com a suíça Zurique, o resultado carioca não foi bom: apenas 4 carteiras encontraram o dono fictício novamente.

Em outubro, a capital paulista foi colocada no jogo, e só ficou atrás de Helsinque, na Finlândia, com a devolução de 9 carteiras.

Nesta última atualização, a equipe brasileira da revista decidiu estender o teste para outras quatro cidades, de tamanhos variados, nas cinco regiões do país. As escolhidas foram: Belém (PA), na região Norte; Salvador (BA), no Nordeste; Dourados (MT), no Centro-Oeste; e Bento Gonçalves (RS), na região Sul. 

Segundo a revista, das 72 carteiras postas a teste no Brasil, 54% foram devolvidas. É um percentual um pouco maior que a média mundial, de 49%.

Cidade Carteiras Devolvidas (de um total de 12) Mesmo número de
1ª - São Paulo (SP) 9 Mumbai (Índia)
2ª - Belém (PA) 8 Nova York (EUA)
3ª - Salvador (BA) 7 Amsterdã (Holanda)
4ª - Bento Gonçalves (RS) 6 Berlim (Alemanha)
5ª - Dourados (MS) 5 Londres (Reino Unido)
6ª - Rio de Janeiro (RJ) 4 Zurique (Suíça)
Acompanhe tudo sobre:Belémcidades-brasileirasComportamentoListasMetrópoles globaisRankingsRio de JaneiroSalvadorsao-paulo

Mais de Brasil

Veranico: altas temperaturas e massa de ar seco devem permanecer até o inverno; veja onde fará 30ºC

Enem 2024: prazo de inscrição termina nesta sexta-feira, 14

Alagoas assina convênios para atrair R$ 155 milhões em investimentos em troca de incentivos fiscais

Lula critica falta de acordo entre Zelensky e Putin: 'Estão gostando da guerra'

Mais na Exame