Tecnologia

Twitter passa de 145 milhões de usuários

Presidente-executivo da empresa destaca o crescimento nos acessos por meio de dispositivos móveis

Número de usuários que acessam serviço por celular cresceu 62% em menos de cinco meses

Número de usuários que acessam serviço por celular cresceu 62% em menos de cinco meses

DR

Da Redação

Publicado em 26 de novembro de 2010 às 11h34.

São Paulo - O número de usuários do serviço de microblogging Twitter não para de crescer. Criado em 2006, o site passou os 145 milhões de contas, menos de cinco meses após chegar à marca dos 100 milhões de cadastros. A informação foi divulgada na quinta-feira (2) pelo presidente-executivo da empresa, Evan Williams, em um post no blog oficial do produto.

Willims destacou principalmente o crescimento nos acessos ao serviço por meio de dispositivos móveis. Desde abril, data da primeira conferência da companhia voltada para desenvolvedores, houve aumento de 62% no total de usuários móveis. Para ele, a tendência é resultado do investimento que a empresa fez nos últimos meses para estar em todas as plataformas móveis.

"Fizemos testes com usuários de iPhone e percebemos que mesmo que houvesse vários aplicativos desenvolvidos por terceiros que acessavam o Twitter, as pessoas tinham problemas para achá-los e escolher entre eles porque não havia nenhum chamado 'Twitter'. Isso os afastava de usar o Twitter", explica Williams. "Por essa razão, adquirimos o Twittie e o transformamos em Twitter para iPhone, com uma nova experiência de entrada para os usuários".

A estratégia da empresa foi buscar uma abordagem semelhante com o Twitter para BlackBerry, aplicativo desenvolvido pela RIM, e o Twitter para Android. Nesta semana, a companhia lançou o Twitter para iPad, que aproveita recursos únicos como o tamanho da tela e a fluidez da interface multitouch do tablet da Apple. "Hoje, 16% de todos os novos usuários do Twitter começam em equipamentos móveis, contra 5% antes do lançamento de nosso primeiro aplicativo para celular com a marca Twitter", afirma o executivo.

Williams ressaltou que, embora os aplicativos para smartphones sejam importantes, ainda há um número bastante grande de pessoas que acessa o Twitter em celulares por meio da versão móvel do site no próprio navegador ou por SMS. Confira os dados no gráfico abaixo (em inglês):

Leia outras notícias sobre o Twitter

Siga as notícias de Tecnologia do site EXAME no Twitter

Acompanhe tudo sobre:AppleBlackBerryCelularesEmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetIndústria eletroeletrônicaInternetiPadiPhoneRedes sociaisSmartphonesTabletsTwitter

Mais de Tecnologia

Dez anos de Spotify no Brasil: o app que extinguiu a pirataria e virou sinônimo de música

O que esperar do balanço da Nvidia, a mais nova queridinha de Wall Street

Quatro operadoras da China se unem para oferecer roaming 5G entre redes

Colher elétrica promete 'temperar' alimento sem utilizar mais sal

Mais na Exame