Tecnologia

Receita de empresas de internet de grande porte da China aumenta 7,6% nos primeiros dois meses

As empresas chinesas de internet de grande porte tiveram uma receita de negócios na internet de 246,3 bilhões yuans

China2Brazil
China2Brazil

Agência

Publicado em 6 de abril de 2024 às 19h10.

De acordo com informações do Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China, de janeiro a fevereiro, as empresas chinesas de internet de grande porte tiveram uma receita de negócios na internet de 246,3 bilhões yuans, um aumento de 7,6% em relação ao mesmo período de 2023.

Os dados mostram que, de janeiro a fevereiro deste ano, os custos operacionais das empresas de internet de grande porte da China aumentaram 7,7% em relação ao ano anterior. O lucro total atingiu 16,97 bilhões de yuans, um crescimento de 6,5% em relação ao ano anterior, com uma alta de 6 pontos percentuais em relação ao total do ano de 2023.

As empresas de internet de grande porte da China investiram um total de 13,71 bilhões yuans em pesquisa e desenvolvimento, um aumento de 4,5% em relação ao ano anterior, 8,2 pontos percentuais a mais em relação a todo o ano de 2023.

Receita por setor

Nos primeiros dois meses do ano, as empresas de internet com foco em serviços de informação (incluindo notícias, busca, redes sociais, jogos, música e vídeo) registraram um aumento de 7,1% na receita de negócios na internet em comparação com o ano anterior.

As plataformas de empresas que oferecem serviços de vida cotidiana (incluindo serviços locais, aluguel de carros, viagens, serviços financeiros, automóveis, imóveis, entre outros) registraram uma queda de 15,3% na receita de negócios na internet em comparação com o ano anterior.

As empresas que oferecem principalmente serviços de vendas online (incluindo commodities em geral, produtos agrícolas, comércio eletrônico abrangente, suprimentos médicos, serviços de entrega, entre outros) registraram um aumento de 22,8% na receita de negócios na internet em comparação com o ano anterior.

Receita por região

De janeiro a fevereiro, a região leste da China registrou uma receita de negócios na internet de 217,8 bilhões de yuans, um aumento de 6,5% em relação ao ano anterior, 1,1 ponto percentual abaixo da média nacional, representando 88,4% da receita total de negócios na internet do país.

A região central registrou uma receita de negócios na internet de 12,91 bilhões de yuans, um aumento de 25,6% em relação ao ano anterior, 18 pontos percentuais acima da média nacional. A região oeste completou uma receita de negócios na internet de 15 bilhões de yuans, um aumento de 11% em relação ao ano anterior, 3,4 pontos percentuais acima da média nacional.

A região nordeste teve uma receita de 578 milhões de yuans, uma queda de 5,4% em relação ao ano anterior, 13 pontos percentuais abaixo da média nacional. A região de Pequim-Tianjin-Hebei teve uma receita de 73,35 bilhões de yuans, um aumento de 3,8% em relação ao ano anterior, representando 29,8% da receita total de negócios na internet do país.

A região do Delta do Rio Yangtze chegou a receita de negócios na internet de 87,97 bilhões de yuans, um aumento de 7,9% em relação ao ano anterior, representando 35,7% da receita total de negócios na internet do país.

Fonte: finance.people.com.cn

Acompanhe tudo sobre:Chinaempresas-de-tecnologia

Mais de Tecnologia

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Como tirar o online do WhatsApp no Android? Confira o tutorial no app

Como escanear documentos no seu smartphone sem instalar nada

Como descobrir uma fonte a partir da imagem pela internet

Mais na Exame