Plugue de três pinos será obrigatório em 2013

A partir de 1º de janeiro de 2013, todos os eletroeletrônicos deverão estar adaptados ao padrão

São Paulo – A partir de 1º de janeiro de 2013, todos os eletroeletrônicos produzidos no Brasil deverão estar adaptados ao padrão de plugues e tomadas com três pinos.

A nova fase da mudança impõe que as fábricas e comércio produzam e vendam eletrodomésticos com o plugue de três pinos. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) será o responsável por auxiliar na mudança de padrão no mercado de aparelhos eletrônicos. 

Até então, existiam mais de doze modelos de plugues diferentes, além oito tipos diferentes de tomadas no mercado. Segundo o Inmetro, o novo modelo está compatível com 80% dos aparelhos eletrônicos atuais.

O modelo brasileiro foi pensado para dar mais segurança aos usuários. O terceiro pino serve como aterrador e só tem utilidade se a tomada estiver conectada ao chamado fio-terra. Choques elétricos involuntários podem ser evitados com a terceira cavidade da tomada conectada ao fio-terra.
Porém, os engenheiros-eletricistas afirmam que muitas casas estão sendo entregues sem o fio-terra conectado nas tomadas. É preciso estar atento às mudanças e verificar se as tomadas estão devidamente conectadas ao dispositivo de segurança.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.