Nova leva de smartphones dobráveis: Xiaomi e Motorola apresentam suas apostas

Depois da Samsung apresentar o Galaxy Z Fold 4 e o Galaxy Z Flip 4 na quarta-feira, 10, as rivais mostram seus aparelhos para concorrer no segmento
 (Xiaomi/Divulgação)
(Xiaomi/Divulgação)
A
André Lopes

Publicado em 11/08/2022 às 07:00.

Última atualização em 14/08/2022 às 20:14.

Smartphones de tela dobrável são versáteis, estilosos e certamente um produto de luxo, já que custam muito mais que as linhas principais das fabricantes e estão longe de serem a preferência do grande público.

O segmento é tão mais ameno na competição e demanda que os lançamentos das principais fabricantes, por coincidência ou não, se concentraram nesta mesma semana. Primeiro a Samsung apresentou na quarta-feira, 10, o Galaxy Z Fold 4 e o Galaxy Z Flip 4, e nesta quinta-feira, 11, Xiaomi e Motorola apresentam suas novas apostas: Mix Fold 2 e Razr 2022, respectivamente.

No Mix Fold 2 é esperado uma tela de 6,5 polegadas FullHD +, de proporção de 21: 9, e com tecnologia Eco² da Samsung, que consumirá até 25% menos energia. O processador, segundo rumores, será um Snapdragon 8 Plus Gen 1, auxiliado por 12 GB de RAM e até 1 TB de armazenamento interno.

O dobrável também pode apresentar uma configuração de câmera tripla, sendo um sensor primário Sony IMX766 de 50MP, um secundário de 13MP e uma teleobjetiva com zoom óptico de 2x. Na bateria, os 5.000 mAh do Mix Fold 2 devem suportar carregamento rápido de 67W.

E se a Xiaomi segue com dimensões grandes, por outro lado, a Motorola aposta na dobra mais compacta. O seu Razr 2022 segue no formato de concha popularizado pelo Motorola V3 nos anos 2000. O aparelho deve ter uma tela OLED de 6,7 polegadas, 8 GB de RAM com configuração de armazenamento de 256 GB. De acordo com os rumores mais recentes, levarão o mesmo processador da rival Xiaomi Snapdragon 8 Plus Gen 1.

Os dobráveis da Samsung

Já a líder do setor Samsung trouxe na quarta-feira, 10, o Galaxy Z Fold 4 com tela de 7,6 polegadas, em dimensões de 23:9, e resolução de 2176 x 1812 pixels.

Na carcaça, o já mencionado Snapdragon 8 Plus Gen 1, com 12 GB de memória RAM e opções de 256 GB ou 512 GB de armazenamento interno. Já a bateria de 4.400 mAh foi mantida, assim como o carregamento de 25W de potência.

O Galaxy Z Flip 4 manteve o tamanho de 6,7 polegadas do antecessor, no material Dynamic AMOLED 2X, e o notch em forma de furo. A resolução é Full HD+, enquanto a taxa de atualização chega a 120 Hz.

Já a tela secundária permanece em Super AMOLED com 1,9 polegada, além da resolução de 260 x 512 pixels. Ela não muda em usabilidade, ao permitir apenas algumas funcionalidades ao usuário.

Assim como o “irmão” maior, o Galaxy Z Flip 4 conta com o Snapdragon 8 Plus Gen 1 como sua plataforma móvel, para oferecer um desempenho top de linha com menos aquecimento e consumo energético satisfatório.

Este modelo contém 8 GB de memória RAM e três opções de espaço interno: 128 GB, 256 GB ou 512 GB. A bateria teve um ganho e passou de 3.300 mAh para 3.700 mAh, com o carregamento de 25W.