A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Governo quer transformação digital com educação online e indústria 4.0

Ministério da Ciência e Tecnologia firmou parceria com a companhia americana Cisco para acelerar digitalização brasileira

O ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) anunciou nesta quarta-feira (27) uma parceria com a empresa de tecnologia Cisco para o desenvolvimento de soluções digitais que serão utilizadas no processo de transformação digital do país. A cerimônia contou com a participação de executivos da Cisco, como o presidente Laércio Albuquerque, e do ministro Marcos Pontes. O presidente Jair Bolsonaro havia sido confirmado pela organização do evento, mas não compareceu.

Fundada nos Estados Unidos ainda durante a década de 1980, a Cisco é uma das gigantes do setor de tecnologia da informação, principalmente com serviços voltados para o setor de telecomunicações. Nesta quarta-feira (27), a companhia estava avaliada na bolsa de valores da Nasdaq em mais de 193 bilhões de dólares.

Com validade de três anos, o acordo firma uma parceria entre o governo e a empresa americana chamada de Country Digital Aceleration e que foca na transformação digital de diferentes áreas de uma região. A Cisco já possui parcerias semelhantes com outros 33 países.

Na prática, a companhia vai investir em 32 projetos que são escolhidos em conjunto com o setor público. O dinheiro só será alocado em áreas que o governo concordar que existe uma necessidade de inovação. A princípio, os primeiros passos serão realizados em áreas como saúde, educação, indústria e segurança digital.

Nesta seara estão o desenvolvimento de um conselho de inovação cibernética no país, o desenvolvimento de um protótipo e de cem pilotos de escolas digitais conectadas e a criação de um centro de experiência de tecnologias que podem habilitar a indústria 4.0.

Sobre o valor que será alocado, a companhia informou que não revela números de quanto investe nesses acordos realizados em cada país.

Segundo a Cisco, o acordo começou a ser costurado ainda em 2019, durante o evento Mobile World Congress, realizado anualmente em Barcelona, na Espanha. Na ocasião, uma delegação brasileira que representava o governo se reuniu com executivos da Cisco e visitou um centro de inovação da companhia na cidade.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também