Google Chrome começa a bloquear anúncios pesados no navegador

Anúncio foi feito em maio deste ano, mas novo recurso só começou a ser liberado para uma grande leva de usuários esta semana
Google Chrome: novo recurso bloqueia anúncios que esgotam os recursos do dispositivo (Thomas Trutschel / Colaborador/Getty Images)
Google Chrome: novo recurso bloqueia anúncios que esgotam os recursos do dispositivo (Thomas Trutschel / Colaborador/Getty Images)
L
Laura PanciniPublicado em 15/12/2020 às 12:25.

O Google quer melhorar a experiência do usuário no Chrome. Após anunciar em maio deste ano que bloquearia anúncios pesados no navegador a partir de agosto, a função começou a ser lançada para um grande número de usuários nesta segunda-feira (14).

De acordo com o site Bleeding Computer, o Chrome está focando em anúncios que esgotam os recursos do dispositivo, como "dados de rede, capacidade de processamento ou memória RAM". A função já está sendo disponibilizada em computadores e em celulares Android.

O recurso também limita os anúncios que usam mais de 4 megabytes de largura de banda de rede, excedam 60 segundos do uso total do CPU ou 15 segundos do uso total do CPU em qualquer janela de 30 segundos.

Os anúncios que são bloqueados ocupam a página com uma imagem acinzentada e a frase "O anúncio usou muitos recursos para o seu dispositivo, por isso o removemos".

Anúncio bloqueado no Google Chrome

Visão do anúncio bloqueado na página (Armando Alves/Reprodução)

A disponibilidade do novo recurso vem junto com outras medidas do Chrome para melhorar a experiência do usuário. A partir de 2021, uma alteração nas políticas do Google vai obrigar as empresas que possuem extensões no navegador a revelar o que é feito com os dados coletados dos usuários que utilizam os add-ons