Tecnologia

Getty Images processa Microsoft por nova ferramenta de fotos

Novo produto da Microsoft permite que editores online incorporem fotografias digitais em seus sites


	Bing, o buscador da Microsoft: "Bing Image Widget" foi lançado em 22 de agosto
 (Scott Eells/Bloomberg)

Bing, o buscador da Microsoft: "Bing Image Widget" foi lançado em 22 de agosto (Scott Eells/Bloomberg)

DR

Da Redação

Publicado em 4 de setembro de 2014 às 16h15.

Nova York - Um novo produto da Microsoft que permite que editores online incorporem fotografias digitais em seus sites é uma "violação maciça" de imagens protegidas por direitos autorais, disse a Getty Images em uma ação movida em um tribunal federal em Nova York nesta quinta-feira.

O "Bing Image Widget", lançado em 22 de agosto, dá aos editores a capacidade de criar um painel em seus sites que exibe imagens digitais fornecidas pelo motor de buscas da Microsoft, o Bing, de acordo com a ação judicial.

Ao invés de apontar um conjunto de imagens licenciadas, o produto permite acesso a bilhões de imagens que podem ser achadas online, independente de elas terem ou não direitos autorais, disse a ação judicial.

A Getty, que distribui e produz fotos, vídeos, música e produtos multimídia, está pedindo o bloqueio imediato do produto e um montante não especificado em indenização.

O prejuízo real para a Getty é "incalculável", de acordo com a ação judicial. Em um comunicado, uma porta-voz da Microsoft disse que a empresa iria considerar se as queixas da Getty tinham mérito.

"Como proprietários de direitos autorais nós mesmos, achamos que as leis são importantes nesta área", disse a porta-voz em um e-mail. "Nós vamos analisar de perto as preocupações da Getty."

O recurso da Microsoft já está sendo utilizado em sites em todo o mundo, segundo o processo. A Getty possui ou representa mais de 80 milhões de imagens digitais únicas, de acordo com a ação judicial.

Acompanhe tudo sobre:CopyrightEmpresasEmpresas americanasempresas-de-tecnologiaFotografiaMicrosoftProcessos judiciaisTecnologia da informação

Mais de Tecnologia

Vício em TikTok? O que é 'brainrot' e por que o termo está tão em alta

Mais 168 cidades podem ter internet 5G a partir de sexta-feira; veja a lista

Carros autônomos: os robotáxis começam a virar realidade para a Waymo, do Google

Empresa chinesa avança em tecnologia quântica com novo termômetro de óxido de rutênio

Mais na Exame