Tecnologia

George W. Bush se rende ao Facebook

O ex-chefe de Estado já contava com mais de 10 mil fãs horas depois de colocar seu perfil no ar

As mensagens publicadas na página do 43º presidente americano são em geral positivas (./Divulgação)

As mensagens publicadas na página do 43º presidente americano são em geral positivas (./Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 2 de junho de 2010 às 19h16.

Washington - Os membros do Facebook podem contar a partir desta quarta-feira com uma página do ex-presidente americano George W. Bush na famosa rede social.

O ex-chefe de Estado já contava com mais de 10 mil fãs horas depois de colocar seu perfil no facebook.com/georgewbush. A primeira mensagem de Bush destacou suas atividades desde que deixou o governo em janeiro de 2009.

"O presidente Bush tem se mantido ativo", diz a mensagem. "Esteve em 20 estados (americanos) e oito países, pronunciou 65 discursos, lançou o centro presidencial George W. Bush, participou em quatro conferências políticas via Bush Institute, terminou a primeira versão de suas memórias 'Decision Points' e colaborou com o ex-presidente Bill Clinton para criar o fundo de ajuda ao Haiti Clinton-Bush.

As mensagens publicadas na página do 43º presidente americano são em geral positivas, como a de Sandy Holly: "Estou muito feliz por vê-lo! Fazia falta!".

Apesar de tudo, também apareceram críticas, como a do internauta Brent Bender, que escreveu: "Você foi um presidente incrivelmente incompetente".

A mulher do ex-presidente, Laura Bush, também abriu sua página na rede social, e imediatamente conseguiu mais amigos que seu marido, com 16 mil adeptos.

Acompanhe tudo sobre:EmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetempresas-de-tecnologiaEstados Unidos (EUA)FacebookInternetPaíses ricosRedes sociais

Mais de Tecnologia

Android é melhor que Apple? Para o consumidor chinês, sim

Alibaba, Baidu e Tencent competem por capacidade computacional do Llama 3 da Meta

Como fazer a bateria do seu iPhone durar mais

Mais na Exame