Tecnologia

Ventilador, ar-condicionado ou climatizador; melhores modelos a partir de R$ 80

Separamos uma lista para você escolher a melhor opção para o que precisa

Ar condicionado: confira as melhores opções no marcado.  (Craig Hastings/Getty Images)

Ar condicionado: confira as melhores opções no marcado. (Craig Hastings/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 14 de novembro de 2023 às 10h11.

Última atualização em 20 de dezembro de 2023 às 17h14.

O Brasil está passando por uma onda de calor que deve atingir ao menos 1.400 municípios nos próximos dias, com destaque para o Sudeste e regiões do Sul, Norte e Nordeste. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) deu alerta laranja de "perigo", com temperaturas 5 graus acima do habitual por até cinco dias consecutivos.

Muitas pessoas conseguem fugir do calor no horário de trabalho, aproveitando o ar-condicionado da empresa. Porém, essa não é a realidade para todos. Seja no home-office ou até no momento de dormir, o calor é inevitável. E é muito possível que você já tenha um ventilador em casa e esteja pensando se ele é o produto mais efetivo para te ajudar nos dias quentes. Separamos uma lista com as melhores opções para ajudar a se refrescar e qual é a ideal para o que você procura. Confira:

Ventiladores

O ventilador acaba sendo a opção mais econômica entre os três eletrodomésticos. Além de gastar menos energia elétrica, os produtos também são mais baratos. O produto pode ser encontrado tanto no modelo 'mesa' como 'coluna' e nas versões 'comum' e turbo'. Separamos ventiladores em diversos modelos, tamanhos, potências e faixas de preço, que caibam no seu bolso.

Climatizador ou ar-condicionado?

As vezes confundido com ar-condicionado, o climatizador é uma opção mais em conta — principalmente para não quer fazer mudanças estruturais em casa. Ele refresca mais que o ventilador, mas menos que o ar-condicionado. Seu consumo de energia é parecido com o consumo de ventiladores e funciona com água gelada ou gelo para refrescar o ambiente. É mais indicado para ambientes menores e com baixa incidência de calor.

O climatizador de ar portátil é um aparelho bastante indicado para quem precisa daquele refresco, mas não pode gastar muito - seja na compra do aparelho ou na conta de luz. Então, se você está na dúvida entre ar -condicionado e climatizador, mas tem orçamento reduzido, o aparelho compacto pode valer a pena - caso não haja dias de calor excessivo.

Uma das diferenças interessantes de destacar para quem quer adquirir climatizador ou ar-condicionado tem a ver com conforto térmico. Enquanto o ar-condicionado trabalha para diminuir (ou aumentar, dependendo do modelo) a temperatura de acordo com a sua necessidade, o climatizador de ar só refresca e ventila o cômodo.

Assim, o aparelho pode ser insuficiente em dias muito quentes, ou mesmo para cômodos que recebem muita luz solar. Mesmo que você encontre modelos de climatizador de ar que se parecem com um ar-condicionado portátil, portanto, no fim das contas os dois têm resultados completamente diferentes. Vale ressaltar que o climatizador de ar funciona mais ou menos como um ventilador e é indicado para cômodos menores, de até 30 metros quadrados.

Acompanhe tudo sobre:CalorClimaEletrodomésticos

Mais de Tecnologia

Internet em qualquer lugar? Starlink, de Elon Musk, lança antena do tamanho de um laptop

Você sabe o que é telemática? Tecnologia reduziu em 40% as taxas de colisões em estradas, diz estudo

Instagram está implementando 'live' apenas para melhores amigos

Vício em TikTok? O que é 'brainrot' e por que o termo está tão em alta

Mais na Exame