Tecnologia

Show da Madonna: veja como proteger apps de banco e carteiras digitais no celular

Mais de 1,5 milhão de pessoas devem estar presentes na praia de Copacabana; veja dicas para proteger o smartphone

Madonna durante show: veja como proteger o celular para curtir o evento com calma (Marco PiracciniMondadori /Getty Images)

Madonna durante show: veja como proteger o celular para curtir o evento com calma (Marco PiracciniMondadori /Getty Images)

Laura Pancini
Laura Pancini

Repórter de Tecnologia e Inteligência Artificial

Publicado em 2 de maio de 2024 às 13h33.

Última atualização em 2 de maio de 2024 às 13h46.

Tudo sobreMadonna
Saiba mais

A cidade do Rio de Janeiro se prepara para receber Madonna neste fim de semana, que vai encerrar a The Celebration Tour no que se espera ser a maior apresentação de sua carreira

Com a expectativa de 1,5 milhão de pessoas, o show acontece na praia de Copacabana e é totalmente gratuito. Isso acaba também aumentando o risco para quem vai assistir ao evento e, por isso, vale tomar certas precauções.  

A perda do dispositivo não é o único risco; uma vez que o criminoso obtém acesso ao telefone, a vítima pode sofrer roubos de contas bancárias ou ser exposta a fraudes, como roubo de identidade.

Para aqueles que planejam participar do show, é crucial garantir que dados sensíveis, como informações de cartões e senhas, estejam devidamente protegidos. Isso pode ser feito pela exclusão dos aplicativos ou tornando o acesso a eles mais restrito. Seguem algumas orientações importantes para assegurar a segurança de seu celular durante o show da Madonna no Rio:

Formas fáceis de proteger o celular

  1. Crie uma senha de bloqueio: cadastre uma senha numérica ou desenho para impedir que qualquer pessoa acesse o celular;
  2. Apague os dados do cartão: delete os apps de banco e as informações de pagamento em apps como iFood e Uber;
  3. Ande com dinheiro no bolso: diminua o número de vezes que será necessário sacar o smartphone levando dinheiro físico;
  4. Esconda os apps: selecione todos os aplicativos importantes e coloque eles em uma pasta com uma senha exclusiva, veja abaixo como fazer.
Madonna no Rio: guia completo para curtir o show sem perrengues

Como proteger apps de banco no celular?

Crie pastas seguras

🕐 Tempo médio: 5 minutos

Tanto o Android quanto o iOS contam com opções de Pasta Segura para proteger os aplicativos em uma pasta com senha. Veja o passo a passo de como ativá-la:

Pasta segura no Android

  1. Acesse "Configurações" no celular;
  2. Vá em "Segurança e privacidade";
  3. Busque por "Pasta segura" e clique em "Continuar";
  4. Selecione o tipo de senha;
  5. Clique em "Ativar";
  6. Defina a senha da Pasta Segura e pronto!
  7. Agora, procure pela Pasta Segura na tela inicial. Você pode clicar no botão de "+" ou arrastar os apps para definir quais ficarão protegidos na pasta.

Pasta segura no iOS

  1. Acesse "Ajustes", depois "Tempo de Uso" e então "Limite de Apps";
  2. Clique em "Adicionar limite";
  3. Selecione os apps que deseja trancar ou clique em "Tudo (apps e categorias)";
  4. Clique em "Seguinte" e defina o tempo de bloqueio;
  5. Agora, volte para a página "Tempo de Uso" e depois em "Usar código";
  6. Defina uma senha e pronto!

Coloque senhas nos apps

Por aplicativos terceiros, é possível adicionar uma tela de bloqueio no início de aplicativos selecionados. O uso de apps terceiros não é recomendado, mas existem opções para quem optar por não utilizar a Pasta Segura no iOS ou Android.

  • App Lock (iOS e Android)
  • Bloqueio: App Lock (Android)
  • AppLock Pro (Android)

Madonna: expectativa é que 1,5 milhão de pessoas estejam na praia de Copacabana (aJames Devaney/GC Images/Getty Images)

Temporizador de aplicativos

🕐 Tempo médio: 3 minutos

No Android, é possível definir um limite de tempo para os aplicativos através das configurações. A dica é estabelecer poucos segundos em apps de banco e, então, impedir o acesso. Depois, quando estiver em um local mais seguro, basta desconfigurar o que foi feito para voltar ao normal. Veja o passo a passo:

  1. Acesse "Configurações" no celular;
  2. Vá em "Bem-estar digital e controles parentais";
  3. Clique em "Temporizadores de aplicativos" e depois selecione quais apps deseja limitar o tempo;
  4. Clique em "Definir temporizador" e selecione o tempo desejado;
  5. Aperte "Concluído" e pronto!

Ocultar aplicativos

Também pelo Android, é possível colocar aplicativos em modo oculto. Eles deixam de aparecer na tela inicial e também não podem ser encontrados pela pesquisa. Para voltar ao normal, basta desconfigurar o que foi feito. Veja o passo a passo:

  1. Acesse "Configurações" no celular;
  2. Vá em "Tela inicial";
  3. Clique em "Ocultar aplicativos na tela inicial e na tela de aplicativos" e depois selecione os apps que deseja ocultar;
  4. Clique em "Ok" e pronto!

🕐 Tempo médio: 3 minutos

Madonna: show da cantora no Rio será neste sábado, 4 (Perry Knotts/Getty Images)

Outras dicas para proteger o celular

  • Ativação de senhas e bloqueio automático
    Antes de sair de casa, é crucial ativar a senha de bloqueio do celular, seja por combinações numéricas, autenticação biométrica ou reconhecimento facial. Reduzir o tempo do bloqueio automático também aumenta a segurança, mantendo o dispositivo bloqueado na maior parte do tempo.
  • Registro do IMEI
    Anote o IMEI do seu aparelho e guarde em um local seguro. Em caso de furto, esse número permite solicitar o bloqueio do celular à operadora e registrar um boletim de ocorrência.
  • Backup de dados
    Realize backups regulares de arquivos e fotos, preferencialmente em nuvens ou aplicativos seguros. Isso minimiza a perda de dados importantes em caso de furto.
  • Utilização da geolocalização
    A ferramenta de geolocalização, disponível em serviços como 'Buscar iPhone' e 'Encontre meu Dispositivo', é uma aliada contra furtos, permitindo localizar e bloquear o celular remotamente.
  • Uso consciente em multidões
    Evitar manusear o celular em locais com grande concentração de pessoas reduz o risco de furtos. Em caso de necessidade, busque locais seguros como restaurantes ou postos policiais.
  • Armazenamento seguro do celular
    Evite guardar o celular no bolso de trás da roupa. Prefira pochetes ou doleiras, que oferecem maior segurança e proximidade com os seus pertences.
  • Pagamento por aproximação
    Durante eventos com grande aglomeração, considere limitar ou desabilitar a função de pagamento por aproximação do seu celular, prevenindo prejuízos financeiros.
  • Selfies com cautela
    Selfies são ótimas para registrar momentos, mas em multidões, prefira locais mais seguros para evitar exposições desnecessárias do seu aparelho.
  • Proteção contra quedas e líquidos
    Use capinhas antichoque e películas protetoras. Em caso de contato com líquidos, desligue o aparelho imediatamente e procure assistência técnica.
  • Procedimentos em caso de perda ou furto
    Se o celular for furtado, mantenha a calma e siga os procedimentos recomendados, como bloqueio do aparelho e registro de ocorrência.

Seguindo estas dicas, você aumenta a segurança do seu dispositivo móvel e protege suas informações pessoais, especialmente em períodos de festas e aglomerações.

Acompanhe tudo sobre:MadonnaRio de JaneiroShows-de-música

Mais de Tecnologia

NIO lança estação que realiza troca de bateria em apenas 3 minutos

Aeroportos registram queda no extravio de bagagens após implementação de novas tecnologias

Volta do presencial prejudica profissionais de tecnologia do Norte e Nordeste

IBM Consulting troca gerente geral para renovar foco em projetos de inteligência artificial

Mais na Exame