A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Quero já está entre as marcas que mais crescem da Heinz

Brasileira figura entre as 15 marcas tops da companhia americana

São Paulo – Rumores de que a Heinz pode comprar mais uma marca de alimentos brasileira circularam pelo mercado recentemente e o interesse da americana pode fazer muito sentido. Isso porque, a aquisição da Quero, anunciada com exclusividade por EXAME, em março do ano passado, vem trazendo resultados muito promissores à companhia, tanto que a Quero já figura entre as 15 marcas que mais crescem no portfólio global da Heinz.

A Heinz divulgou, nesta quarta-feira, seus resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre fiscal de 2013 – período que corresponde aos meses de maio a julho deste ano – e, mais uma vez, os países emergentes tiveram contribuição relevante nos números da companhia. No período, o lucro cresceu quase 10% na comparação com o mesmo período do ano passado, totalizando quase 280 milhões de dólares.

A receita líquida caiu 1,5% no trimestre e foi impactada, principalmente, pela variação cambial do período, o faturamento somou 2,7 bilhões de dólares. Já nos mercados emergentes, a receita cresceu 16,5% em relação ao mesmo trimestre do ano passado. Nas mesmas regiões, o volume de vendas avançou 24,9%, impulsionado, principalmente, pelo Brasil, onde o crescimento foi de 36% entre os meses de maio a julho.

“Este é o nosso 29º trimestre de crescimento consecutivo nas vendas. Mesmo com um ambiente econômico mais complicado, com custos mais altos e variações de moeda estrangeira, tivemos um bom começo de ano fiscal. E os nossos três principais motores foram: as operações nos países em desenvolvimento, o crescimento das nossas 15 marcas tops e o crescimento das vendas do tradicional ketchup no mundo”, afirmou William R. Johnson, CEO da Heinz, em comunicado.

Além da Quero ser uma das principais marcas em expansão da Heinz. O Brasil foi também um dos países onde a venda de ketchup da marca mais cresceu. No mundo, as vendas do produto aumentaram 3,7% na comparação com o mesmo período do ano passado.

Em 2011, a Heinz comprou o controle da Quero por cerca de 1 bilhão de reais. A operação marcou a entrada definitiva da tradicional fabricante de ketchup no mercado brasileiro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também