Negócios

Natura começa a vender a linha Tez em farmácias

Marca de cuidados com a pele passa a ser vendida em 32 farmácias da Raia Drogasil nesta quarta-feira. A linha Sou já é oferecida em todas as lojas da rede

Modelo segura produto da linha Natura Tez (Natura/Divulgação)

Modelo segura produto da linha Natura Tez (Natura/Divulgação)

Luísa Melo

Luísa Melo

Publicado em 26 de outubro de 2016 às 06h00.

Última atualização em 26 de outubro de 2016 às 14h55.

São Paulo - O plano da Natura de se firmar no varejo ganhou força. A partir desta quarta-feira (26), os cosméticos da linha Tez, de cuidados com o rosto, serão vendidos em 32 lojas da Raia Drogasil na cidade de São Paulo.

Se o projeto der certo, pode ser estendido para outros estados e regiões do país.

A marca mais barata da fabricante, a Sou, de produtos para o corpo e cabelo, é vendida em todas as farmácias da rede desde julho.

Com dificuldades nas vendas há algum tempo, a empresa busca diversificar os canais de acesso ao consumidor para além do comércio porta a porta.

Em abril, inaugurou sua primeira loja própria. Hoje, já tem quatro pontos de venda exclusivos, todos em shoppings da capital paulista. Neles, são ofertadas as linhas mais premium do portfólio.

A linha Tez é uma das mais novas da Natura. Ela foi lançada no ano passado, com a proposta de oferecer tratamentos para a pele de forma simples e rápida.

Ela é composta por gel de limpeza, hidratante, sabonete e lenço de limpeza de três subcategorias: para todos os tipos de pele, para peles normais a secas e para mistas a oleosas.

"Identificamos em nossas pesquisas que uma grande parcela da população não tem nenhum tipo de cuidado específico com o rosto. Foi aí que enxergamos a oportunidade de desenvolver Tez, uma linha completa que preza por praticidade, acessibilidade e qualidade”, diz Fernanda Rol, gerente de marketing do rótulo.

Os resultados da companhia no terceiro trimestre serão divulgados hoje após o fechamento do mercado.

Na primeira metade do ano, ela faturou 2,62 bilhões de reais, baixa de 7% contra os 2,82 bilhões de reais obtidos no mesmo semestre de 2015.

O lucro chegou 21,84 milhões de reais no período, recuo de 90,76% frente aos ganhos de 236,32 milhões de reais um ano antes.

A Natura tem 1,9 milhão de consultoras no mundo, 1,5 delas só no Brasil. A empresa também opera na Argentina, Chile, México, Peru, Colômbia e França.

Em 2012, comprou a marca australiana Aesop, que abriu sua segunda loja por aqui no mês passado.

Acompanhe tudo sobre:CosméticosNaturaRD – Raia DrogasilVarejo

Mais de Negócios

Mukesh Ambani: quem é o bilionário indiano que vai pagar casamento de R$ 3,2 bilhões para o filho

De vendedor ambulante a empresa de eletrônicos: ele saiu de R$ 90 mil para mais de R$ 1,2 milhão

Marca de infusões orgânicas cresce com aumento do consumo de chás no Brasil e fatura R$ 6 milhões

Descubra 4 formas de pedir empréstimo e quais são as vantagens e desvantagens de cada uma

Mais na Exame