O número atualizado da pandemia no planeta: 3.862.364 mortes

Mais de 178 milhões de pessoas já contraíram a doença. A grande maioria dos infectados se recupera, mas parte conserva os sintomas por semanas ou meses

A pandemia de coronavírus provocou ao menos 3.862.364 mortes no mundo desde que o escritório da Organização Mundial da Saúde (OMS) na China registrou a aparição da doença em dezembro de 2019, segundo um balanço estabelecido pela AFP neste domingo, 20 de junho, às 07h00 (horário de Brasília) com base em fontes oficiais. 

Desde o início da epidemia, mais de 178.125.020 pessoas contraíram a doença. A grande maioria dos infectados se recupera, mas uma parte ainda mal avaliada conserva os sintomas por semanas ou meses.

Os números se baseiam nos relatórios comunicados diariamente pelas autoridades de saúde de cada país e excluem as correções realizadas posteriormente pelos diferentes órgãos de estatística, que concluem que a quantidade de óbitos é muito maior.

A OMS estima que, se a sobremortalidade direta ou indireta vinculada à covid-19 for levada em conta, o balanço da pandemia poderia ser duas a três vezes maior que o registrado oficialmente.

Uma grande parte dos casos menos graves ou assintomáticos permanece sem ser detectada, apesar da intensificação da testagem em vários países.

No sábado, foram registrados no mundo 9.048 novas mortes e 354.462 contágios. Os países que registraram mais óbitos segundo os últimos balanços oficiais são Brasil com 2.301, Índia (1.576) e Colômbia (589).

Brasil é o segundo com mais óbitos

A quantidade de mortos nos Estados Unidos chega a 601.741 com 33.538.037 casos. Depois dos Estados Unidos, os países com mais vítimas mortais são Brasil, com 500.800 mortes e 17.883.750 casos, Índia, com 386.713 mortes (29.881.965 casos), México, com 231.151 mortes (2.475.705 casos), e Peru com 190.202 mortes (2.026.729 casos).

Entre os países mais prejudicados, o Peru registra a maior taxa de mortalidade, com 577 mortes a cada 100.000 habitantes, seguido pela Hungria (310), Bósnia (294), República Tcheca (283) e Macedônia do Norte (263).

Neste domingo às 07h00 de Brasília e desde o começo da epidemia, América Latina e Caribe totaliza 1.236.235 mortes (35.974.493 contágios), Europa 1.157.566 (53.897.350), Estados Unidos e Canadá 627.789 (34.945.971), Ásia 554.846 (39.029.236), Oriente Médio 147.709 (9.042.064), África 137.103 (5.184.463), e Oceania 1.116 (51.445).

Este balanço foi realizado usando dados das autoridades nacionais coletados pelos escritórios da AFP e com informações da OMS.

Devido às correções das autoridades e à publicação tardia dos dados, o aumento dos números publicados em 24 horas pode não corresponder exatamente aos números do dia anterior.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também