Candidato de esquerda tem liderança de 24 pontos para eleição no México

O ex-prefeito da Cidade do México, que disputa a Presidência do país pela terceira vez, obteve 51% das intenções de voto

Cidade do México – O candidato de esquerda Andrés Manuel López Obrador viu sua vantagem ser reduzida para 24 pontos sobre o adversário mais próximo na disputa presidencial do México, o conservador Ricardo Anaya, antes das eleições presidenciais de domingo, de acordo com pesquisa publicada nesta quarta-feira pelo jornal Reforma.

O ex-prefeito da Cidade do México, que disputa a Presidência do país pela terceira vez, obteve 51% das intenções de voto, segundo o levantamento, frente a 52% em pesquisa semelhante realizada em maio.

Em segundo lugar aparece Anaya, candidato de uma coalizão formada pela legenda de direita Partido Ação Nacional (PAN) e pela sigla de esquerda Partido da Revolução Democrática (PRD), que recebeu 27% das intenções de voto, frente a 26% em levantamento anterior.

Enquanto isso, o candidato de uma aliança liderada pelo governista Partido Revolucionário Institucional (PRI),José Antonio Meade, ex-ministro da Fazenda, ocupa o terceiro lugar com 19% de apoio, sem alteração em relação à pesquisa anterior.

Segundo o jornal, a pesquisa foi feita pessoalmente com 1.200 eleitores entre os dias 20 e 24 de junho.

Em outra pesquisa publicada nesta quarta-feira, López Obrador apareceu ampliando sua vantagem contra o adversário mais próximo para 32 pontos percentuais.

Segundo o levantamento do jornal El Financiero, José Antonio Meade está em segundo lugar com 22% de apoio.

A publicação informou que foram consultados 1.420 eleitores em todo o país entre os dias 15 e 23 de junho.

 

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.