Austrália encontra possíveis destroços do avião do voo MH370

Comunicado afirmou ser necessário mais informações para determinar se os destroços encontrados pertencem ao Boeing 777 da empresa da Malaysia Airlines

	Voo MH370: até o momento, foram recuperadas cinco peças na Ilha Reunião, Moçambique, Mauricio, África do Sul e na Ilha Rodrigues
 (Olivia Harris / Reuters)
Voo MH370: até o momento, foram recuperadas cinco peças na Ilha Reunião, Moçambique, Mauricio, África do Sul e na Ilha Rodrigues (Olivia Harris / Reuters)
Por Da RedaçãoPublicado em 24/06/2016 08:04 | Última atualização em 24/06/2016 08:04Tempo de Leitura: 1 min de leitura

Sydney - Autoridades da Austrália confirmaram nesta sexta-feira que encontraram uma peça de avião na Ilha de Pemba, no leste da Tanzânia, ligada à busca do voo MH370 desaparecido há mais de dois anos.

Em comunicado, o Escritório para a Segurança no Transporte da Austrália (ATSB, sigla em inglês) afirmou ser necessário mais informações para determinar se os destroços encontrados pertencem ao Boeing 777 da empresa da Malaysia Airlines que desapareceu em março de 2014, com 239 pessoas a bordo.

Até o momento, foram recuperadas cinco peças na Ilha Reunião, Moçambique, Mauricio, África do Sul e na Ilha Rodrigues, que as autoridades confirmaram como partes do Boeing 777 desaparecido.

O MH370 desapareceu 40 minutos após decolar de Kuala Lumpur com destino a Pequim depois que, segundo a investigação oficial, alguém apagasse os sistemas de comunicação e virasse o aparelho, que teria caído no mar, já que o combustível tinha acabado.