Acompanhe:

Rei dos Dividendos: as quatro ações preferidas de Luiz Barsi

Confira as principais posições na carteira do investidor, reveladas por sua filha, Louise Barsi, em post no Instagram

Modo escuro

Continua após a publicidade
Luiz Barsi: estratégia está focada em comprar ações de empresas com bons projetos e excelentes pagadoras de dividendos | Foto: Gunther de Werk/EXAME (Gunther de Werk/Exame)

Luiz Barsi: estratégia está focada em comprar ações de empresas com bons projetos e excelentes pagadoras de dividendos | Foto: Gunther de Werk/EXAME (Gunther de Werk/Exame)

D
Da Redação

Publicado em 11 de fevereiro de 2022 às, 11h37.

Última atualização em 11 de fevereiro de 2022 às, 13h17.

Luiz Barsi, um dos maiores investidores pessoa física da bolsa brasileira, afirmou nesta semana que vendeu as ações de Itaúsa (ITSA4), Itaú (ITUB4) e Bradesco (BBDC4). Pelas redes sociais, Louise Barsi, filha do investidor, explicou que a decisão do bilionário não está relacionada ao desempenho do setor de bancos, mas a uma questão estratégica.

Louise disse ainda que a posição de Barsi em Itaú era pequena e que não tinha interesse em comprar mais papéis. “A venda não tem a ver com a qualidade do Itaú ou do setor, mas com a estratégia da carteira dele”, disse em publicações no Instagram.

Fundadora do Ações Garantem Futuro e analista CNPI, Louise Barsi lembrou que o bilionário é um dos maiores investidores do Banco do Brasil (BBAS3) e do Santander (SANB4). “A venda do Itaú, do Bradesco e da Itaúsa não tem nada a ver com a nossa opinião sobre os bancos. Continuamos comprando BBAS3 e SANB4.”

Louise Barsi compartilhou as maiores posições na carteira do investidor em post no Instagram. Além do Banco do Brasil, estão no portfólio Klabin (KLBN4), AES Tietê (AESB3) e Unipar (UNIP6). Veja abaixo:

 

Estratégia de Barsi

Com mais de 50 anos de experiência, Barsi é referência no mercado financeiro. O foco do economista é comprar ações de empresas que tenham excelentes projetos e que sejam boas pagadoras de dividendos. Não à toa, ele é conhecido como "Rei dos Dividendos". Ele acompanha o histórico de muitos setores e busca investir em empresas de setores cujos negócios sejam perenes, como saneamento e energia.

Em entrevista à EXAME Invest no fim do ano passado, ele afirmou que olha para o desempenho de empresas listadas, independentemente do cenário econômico ou político. “Eu sempre avalio o projeto da empresa, como ela se comporta e seus números.” Disse ainda que avalia o compromisso dos controladores e dos gestores da companhia. Assista à entrevista abaixo:

Últimas Notícias

Ver mais
Vicky Safra: conheça mais sobre a primeira mulher a ocupar a lista de bilionários do Brasil
seloGuia de Investimentos

Vicky Safra: conheça mais sobre a primeira mulher a ocupar a lista de bilionários do Brasil

Há 7 horas

Banco do Brasil está entre maiores investidores institucionais do ETF de bitcoin da BlackRock
Future of Money

Banco do Brasil está entre maiores investidores institucionais do ETF de bitcoin da BlackRock

Há 23 horas

"Startup de 215 anos", Banco do Brasil vê Drex como "segundo passo para a bancarização"
Future of Money

"Startup de 215 anos", Banco do Brasil vê Drex como "segundo passo para a bancarização"

Há 3 dias

As melhores ações que pagam dividendos indicadas para abril
seloOnde Investir

As melhores ações que pagam dividendos indicadas para abril

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais