Acompanhe:

Nubank permite que jovens entre 12 e 17 anos abram conta

Conta digital e cartão de débito para público jovem está acessível para toda a base elegível de clientes que tenham dependentes de 12 a 17 anos

Nubank: pagamento por pix é a funcionalidade mais usada pelos jovens que já usam a conta (Nubank/divulgação/Divulgação)

Nubank: pagamento por pix é a funcionalidade mais usada pelos jovens que já usam a conta (Nubank/divulgação/Divulgação)

K
Karla Mamona

Publicado em 9 de novembro de 2022, 15h23.

O Nubank anunciou nesta quarta-feira, 9, que permitirá que adolescentes entre 12 e 17 anos possam abrir conta com cartão de débito. Com a conta ativa, os jovens passam a ter acesso as seguintes funcionalidades: como recarga de celular, pix, transferências para qualquer conta livres de tarifas, compras online no débito e saque em caixas eletrônicos em todo o país. Para que a conta seja criada, é necessário o consentimento de um maior responsável que seja cliente da fintech.

A fase de testes do projeto teve início neste ano e desde então, a empresa relata aumento de 42% na demanda. Na fase inicial, a empresa verificou ainda que os jovens têm um engajamento 20% mais alto do que o público maior de idade, mostrando seu interesse em inclusão financeira. Além disso, o pagamento por pix é a funcionalidade mais usada pelos jovens que já usam a conta do Nubank.

Caixinhas 

Além da conta e o cartão, os jovens terão acesso as chamadas “Caixinhas”, recurso criado para guardar dinheiro de forma organizada e personalizada. Neste primeiro momento, os menores terão acesso a ‘Caixinhas’ com opção de investimento com rendimento de 100% do CDI desde o primeiro dia útil depois da aplicação.

Últimas Notícias

ver mais
Abono salarial: liberada a consulta de valores do PIS/Pasep; saiba como
seloMinhas Finanças

Abono salarial: liberada a consulta de valores do PIS/Pasep; saiba como

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Nascer bilionário no Brasil pode ser 40 vezes mais fácil do que vencer na Mega-Sena
seloMinhas Finanças

Nascer bilionário no Brasil pode ser 40 vezes mais fácil do que vencer na Mega-Sena

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Laatus lança alternativa gratuita ao terminal Bloomberg para o varejo
seloMinhas Finanças

Laatus lança alternativa gratuita ao terminal Bloomberg para o varejo

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Ninguém acerta Mega-Sena e prêmio vai a R$160 milhões
seloMinhas Finanças

Ninguém acerta Mega-Sena e prêmio vai a R$160 milhões

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
icon

Brands

ver mais

Uma palavra dos nossos parceiros

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais