Invest

Justiça do Rio aprova segundo processo de recuperação judicial da Oi

Em fevereiro, a companhia já havia conseguido proteção contra credores

Oi: empresa entra em recuperação judicial de novo (Oi/Divulgação)

Oi: empresa entra em recuperação judicial de novo (Oi/Divulgação)

Raquel Brandão
Raquel Brandão

Repórter Exame IN

Publicado em 17 de março de 2023 às 10h13.

A Justiça do Rio de Janeiro aprovou a segunda recuperação judicial da Oi (OIBR3/ OIBR4). Em fevereiro a companhia já havia conseguido proteção contra credores. A companhia vinha negociando com os credores uma flexibilização nas condições de pagamento de suas dívidas, mas as partes não chegaram a um acordo.

A tele entrou em recuperação judicial em 2016, com R$ 65 bilhões em dívidas. A sentença de encerramento do processo saiu em dezembro de 2022, mas a empresa ainda carrega uma dívida de R$ 35 bilhões.

Os credores alegavam que a primeira recuperação judicial da Oi não poderia ter sido considerada encerrada porque ela não transitou em julgado e porque ainda há recursos pendentes. Outra alegação era de que ainda não passaram cinco anos desde o último processo de recuperação, o que impede o início de um novo processo. Mas a 7ª Vara Empresarial da Comarca da Capital do Estado do Rio de Janeiro.

Foram nomeados os administradores judiciais o escritório Wald, que já era administrador do primeiro processo de recuperação judicial, e a K2 Consultoria Econômica.

Acompanhe tudo sobre:OiOIBR3OIBR4

Mais de Invest

Após balanço, Nvidia (NVDC34) já vale mais que Amazon (AMZO34) e Tesla (TSLA34) juntas

Senacon notifica 20 operadoras de planos de saúde por cancelamentos de contratos; veja lista

Febraban orienta clientes a dar prioridade a canais digitais por tragédia no Rio Grande do Sul

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, com cautela por política monetária

Mais na Exame