JBS dispara 22% na Bolsa com rumor sobre venda de empresas

O jornal O Estado de S Paulo afirma que a J&F, dona da marca JBS, planeja vender outras empresas do grupo, como a Alpargatas
J&F: segundo o jornal, entre as empresas que podem ser vendidas estão a Vigor, Alpargatas e Eldorado (Paulo Fridman/Bloomberg)
J&F: segundo o jornal, entre as empresas que podem ser vendidas estão a Vigor, Alpargatas e Eldorado (Paulo Fridman/Bloomberg)
Karla Mamona
Karla Mamona

Publicado em 25/05/2017 às 15:07.

Última atualização em 25/05/2017 às 18:05.

São Paulo - As ações da JBS  voltaram a subir nesta quinta-feira e terminaram o dia em alta de 22,5%. O mercado repercute a notícia publicada pelo O Estado de S. Paulo, que afirma que a J&F, holding da JBS, contratou bancos para vender as companhias Alpargatas, Eldorado e Vigor.

De acordo com a reportagem, investidores esperam que, com as vendas, a J&F consiga centrar forças na operação da JBS. A empresa de alimentos vive uma crise após a divulgação de detalhes da delação premiada de Joesley e Wesley Batista, controladores da companhia.

Inicialmente, o jornal havia informado que o Bradesco BBI estaria cuidando das operações. O banco, posteriormente, negou. Em nota, a J&F também contestou a contratação de instituições financeiras para a venda de ativos.