Mercados

Conselho da Tecnisa aprova aumento de capital de até R$ 150 mi

Após o processo, o capital social da empresa passará dos atuais 1,273 bilhão de reais para, no máximo, 1,423 bilhão de reais

Tecnisa: empresa anunciou prejuízo líquido de 251,5 milhões de reais no quarto trimestre (Lia Lubambo/Exame)

Tecnisa: empresa anunciou prejuízo líquido de 251,5 milhões de reais no quarto trimestre (Lia Lubambo/Exame)

R

Reuters

Publicado em 24 de março de 2017 às 08h37.

Última atualização em 24 de março de 2017 às 08h53.

São Paulo - O conselho de administração da construtora Tecnisa aprovou aumento de capital de até 150 milhões de reais por meio da emissão privada de até 57.692.307 novas ações ordinárias, de acordo com fato relevante divulgado na noite de quinta-feira.

Com isso, o capital social da empresa passará dos atuais 1,273 bilhão de reais para, no máximo, 1,423 bilhão de reais. Ainda segundo o documento, os acionistas Meyer Joseph Nigri, Lilian Raquel Czeresnia Nigri e Jar Participações assumiram a obrigação de subscrever e integralizar pelo menos 28.297.938 ações, no valor de 73,575 milhões de reais.

Separadamente, a Tecnisa anunciou prejuízo líquido de 251,5 milhões de reais no quarto trimestre, ante resultado positivo de 168,4 milhões de reais no mesmo período de 2015.

A empresa apurou lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado negativo de 230 milhões de reais, ante 173,8 milhões de reais positivos no último trimestre de 2015.

Acompanhe tudo sobre:EmpresasTecnisa

Mais de Mercados

Realização de lucros? Buffett vende R$ 8 bilhões em ações do Bank of America

Goldman Sachs vê cenário favorável para emergentes, mas deixa Brasil de fora de recomendações

Empresa responsável por pane global de tecnologia perde R$ 65 bi e CEO pede "profundas desculpas"

Bolsa brasileira comunica que não foi afetada por apagão global de tecnologia

Mais na Exame