Acompanhe:

Banrisul capta US$ 500 milhões no exterior

Captação foi a primeira emissão de bônus no exterior feita pelo banco

Modo escuro

Continua após a publicidade
Os papéis vendidos pelo Banrisul têm vencimento de dez anos (Andrevruas/Wikimedia Commons)

Os papéis vendidos pelo Banrisul têm vencimento de dez anos (Andrevruas/Wikimedia Commons)

A
Altamiro Silva Júnior

Publicado em 27 de janeiro de 2012 às, 13h21.

São Paulo - O Banco do Estado do Rio Grande do Sul (Banrisul) informou nesta sexta-feira, 27, que captou US$ 500 milhões em dívida subordinada. Esta foi a foi a primeira emissão de bônus no exterior do Banrisul.

Segundo o superintendente de Relações com Investidores da instituição, os papéis têm prazo de dez anos e vencimento em 2 de fevereiro de 2022. Os bônus saíram com taxa de retorno (yield) de 7,5%.

Segundo uma fonte próxima, houve forte demanda pelos títulos do banco gaúcho, chegando a cerca de US$ 3 bilhões.

Os bônus que foram emitidos são subordinados, ou seja, podem ser usados como capital nível II (ou tier II, formado por dívida subordinada) pelo banco e melhorar o índice de Basileia. A operação foi coordenada por Deutsche Bank e Credit Suisse. Com informações da Dow Jones

Últimas Notícias

Ver mais
GPA lança follow-on mirando de R$ 500 milhões a R$ 1 bi
Exame IN

GPA lança follow-on mirando de R$ 500 milhões a R$ 1 bi

Há 16 horas

Depois do primeiro ano com Extrafarma, Pague Menos acelera conversão de lojas e ganhos de sinergia
Exame IN

Depois do primeiro ano com Extrafarma, Pague Menos acelera conversão de lojas e ganhos de sinergia

Há 18 horas

Sob nova direção, The Body Shop tem futuro incerto
Exame IN

Sob nova direção, The Body Shop tem futuro incerto

Há 22 horas

Marisa troca comando — de novo; ex-Riachuelo vai ser CEO
Exame IN

Marisa troca comando — de novo; ex-Riachuelo vai ser CEO

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais