Inteligência Artificial

CEO da OpenAI diz que anúncio desta segunda não será sobre buscador

Sam Altman foi ao X dizer que as "pessoas vão adorar" a novidade de hoje

Sam Altman lidera a startup por trás do sistema de IA mais famoso do mundo (JOEL SAGET/Getty Images)

Sam Altman lidera a startup por trás do sistema de IA mais famoso do mundo (JOEL SAGET/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 13 de maio de 2024 às 07h54.

A OpenAI, dona do ChatGPT, faz mistério sobre o "grande anúncio" que a empresa irá fazer nesta segunda-feira. Segundo algumas informações antecipadas pela imprensa, a startup pretende lançar um buscador integrado à inteligência artificial, criando um concorrente direto do Google. No entanto, segundo o próprio Sam Altman, CEO da empresa, isso não deve acontecer nesta segunda-feira.

Altman postou no X que "não será um mecanismo de busca ou GPT-5, mas as pessoas vão adorar. Parece mágica para mim”.

De acordo com o The Information, o tão aguardado buscador poderia ser desenvolvido pelo Bing, da Microsoft, empresa que já investiu bilhões de dólares na OpenAI.

O produto teria a capacidade de pesquisar na web e fornecer fontes em seus resultados, segundo um relatório da Bloomberg. Uma versão do recurso de busca também usaria imagens como um diagrama ou outras ilustrações relevantes como resposta a perguntas, de acordo com o documento.A OpenAI teria até tentado contratar alguns engenheiros do Google para ajudar a desenvolver esse novo produto.

De acordo com o Business Insider, o tão aguardado GPT-5 deve ser lançado ainda no meio deste ano.

Acompanhe tudo sobre:Inteligência artificialOpenAIChatGPTSam Altman

Mais de Inteligência Artificial

As ações nada óbvias que podem se beneficiar pelo boom da IA

O brasileiro vai se adaptar a conversar com robôs, diz head de atendimento do BB

Uso de IA já não é mais uma escolha, diz Marcelo Braga, CEO da IBM

Lenovo lança primeiros notebooks Copilot+ com chips Snapdragon X no Brasil

Mais na Exame