Shiba inu e dogecoin: vale a pena investir em criptomoedas-meme?

As criptomoedas-meme fizeram muito sucesso em 2021, principalmente dogecoin e shiba inu. Após conquistarem uma legião de fãs, descubra se elas têm potencial para ser um investimento sério

As criptomoedas inspiradas em meme, mais conhecidas como “memecoins”, começaram como uma brincadeira entre desenvolvedores. Com seu carisma, conquistaram uma legião de investidores, dentre eles, até mesmo o empresário e CEO da Tesla e da SpaceX, Elon Musk, defensor assumido da dogecoin, a primeira criptomoeda-meme do mercado. Outras foram surgindo, como a shiba inu, que possui até mesmo a Shib Army, sua própria base de fãs.

Mas, será que elas continuam sendo uma brincadeira ou podem se tornar um investimento sério? Assista ao vídeo, veja a explicação de Gabriel Rubinsteinn, repórter do Future of Money, e entenda se vale a pena comprar memecoins como dogecoin, shiba inu, floki inu e baby shiba.

Inscreva-se no nosso canal do YouTube e ative as notificações para não perder nenhuma novidade! Ou se preferir, nos acompanhe nas redes sociais: Instagram | Twitter | Telegram | Tik Tok

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também