Preço do bitcoin se mantém acima de US$ 20 mil, mas analistas esperam seis meses de ação lateral

Compradores estão segurando preço do bitcoin acima de US$ 20.000, mas traders acreditam que criptomoeda continuará na mesma faixa de preço por pelo menos mais seis meses
Preço do bitcoin deve "andar de lado" nos próximos meses, dizem analistas (Getty/Getty Images)
Preço do bitcoin deve "andar de lado" nos próximos meses, dizem analistas (Getty/Getty Images)
C
Cointelegraph BrasilPublicado em 07/07/2022 às 10:23.

A negociação no mercado de criptomoedas foi relativamente moderada nos últimos dias, enquanto o ecossistema continua digerindo as consequências do escândalo da Three Arrows Capital e do pedido de falência da corretora Voyager Digital.

Dados das plataformas Cointelegraph Markets Pro e TradingView mostram que o preço do bitcoin (BTC) passou o dia oscilando em torno do nível de suporte de US$ 20.000, variando de um mínimo de US$ 19.775 a um máximo intradiário de US$ 20.480, com US$ 25,48 bilhões em volume de negociação.

Veja um panorama do que vários analistas estão dizendo sobre o que pode vir a seguir para o preço do bitcoin e quais níveis de suporte e resistência devem ser observados no caso de uma mudança acentuada na cotação:

De olho no padrão de bandeira repetindo

Um padrão notável no gráfico do bitcoin antes dos retrocessos ocorridos desde novembro de 2021 foi apontado pelo analista de criptomoedas conhecido no Twitter pelo pseudônimo "Moustache", que postou o gráfico a seguir exibindo as semelhanças entre cada redução. “O bitcoin fez o mesmo padrão todas as vezes, mas cada triângulo descendente ficou cada vez menor? Outra corrida de baixa e a meta seria entre US$ 14.000 e US$ 16.000.”

O notável analista de mercado Peter Brandt também destacou recentemente o padrão repetitivo de bandeiras no gráfico do bitcoin, mas não chegou a dizer de que maneira o preço poderia se mover quando a formação for concluída. "Quando parece uma bandeira e age como uma bandeira , geralmente é uma bandeira", afirmou.

(Mynt/Divulgação)

Contagem de endereços cresce à medida que o mercado procura um fundo

Ultimamente, um dos tópicos mais populares de conversa na comunidade cripto tem sido centrado em tentar prever o fundo do preço do bitcoin.

De acordo com a empresa de pesquisa de criptomoedas Delphi Digital, o bitcoin fechou abaixo de sua média semanal de 200 semanas por quatro semanas consecutivas, um desenvolvimento que historicamente “marcou os fundos anteriores do mercado”.

Quanto a se os traders de bitcoin devem ou não esperar uma recuperação rápida, a Delphi Digital observou que “este é o maior tempo que o BTC permaneceu abaixo de sua média semanal de 200 [semanas]” e destacou o fato de que “o coeficiente de correlação semanal do bitcoin continua inversamente relacionado ao dólar americano, já que atingiu uma baixa de 17 meses de -0,77”.

Enquanto um dólar forte sugere que o preço do bitcoin continuará lutando ao lado de outros ativos, a Delphi Digital destacou um desenvolvimento encorajador que sugere que a adoção do BTC continua a crescer: “Com os preços continuando a cair, o número de endereços BTC acumulando BTC continua a aumentar. Os endereços com pelo menos um bitcoin atingiram um novo recorde histórico de 877.501”.

Traders preveem lateralidade para o restante de 2022

Uma visão macro do que o desempenho passado do bitcoin sugere sobre seu futuro foi fornecida pelo analista de mercado conhecido no Twitter como "Kaleo", que postou o gráfico a seguir descrevendo os ciclos de mercado anteriores.

Com base no gráfico e no caminho previsto fornecido, "Kaleo" sugeriu que o mercado continuará se movendo lateralmente no futuro próximo e será “definido por um mercado de 'caranguejo' mais ou menos acima do suporte logarítmico HTF”: “O caminho mais provável a partir daqui é ver um intervalo base entre US$ 16 mil - US$ 30 mil estabelecido, que eventualmente se resolve por volta de dezembro, quando o preço finalmente ultrapassa a resistência diagonal HTF”.

O valor total do mercado de criptomoedas agora é de US$ 916 bilhões e a taxa de dominância do bitcoin é de 42,5%. A criptomoeda é negociada a US$ 20.450, com alta de 1,7% nas últimas 24 horas.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok