Future of Money

Por que as marcas não podem ignorar o blockchain: a transformação da interação com o consumidor

A tecnologia blockchain, muito além do frisson inicial com NFTs, está resolvendo problemas reais em diversas indústrias, transformando a forma como marcas e consumidores interagem

. (Reprodução/Reprodução)

. (Reprodução/Reprodução)

Amanda Marques
Amanda Marques

CMO na Lumx

Publicado em 18 de maio de 2024 às 11h07.

Tudo sobreBlockchain
Saiba mais

Nos últimos anos, a tecnologia blockchain passou de uma novidade associada exclusivamente aos tokens não fungíveis (NFTs) e criptomoedas para uma tecnologia que resolve problemas concretos em diversos setores e tem sido percebida com mais maturidade e profundidade.

Empresas têm adotado soluções blockchain para melhorar a rastreabilidade na cadeia de suprimentos, garantir autenticidade de produtos e proteger dados sensíveis. Essa evolução mostra que o potencial da tecnologia extrapolou o hype inicial, servindo como uma infraestrutura robusta para a inovação empresarial e o relacionamento de marcas e consumidores.

  • Uma nova era da economia digital está acontecendo bem diante dos seus olhos. Não perca tempo nem fique para trás: abra sua conta na Mynt e invista com o apoio de especialistas do BTG Pactual e a curadoria dos melhores criptoativos para você investir.

Usuários ativos e marcas com mentalidade inovadora

A forma como consumimos produtos on-line fez da personalização uma necessidade fundamental. Consumidores esperam que suas interações com marcas sejam tão precisas e relevantes quanto suas experiências online. A blockchain possibilita essa personalização de maneira eficaz e segura, permitindo que as marcas ofereçam jornadas únicas e assertivas, baseadas em dados transparentes e confiáveis.

Além disso, a interação do usuário com as marcas se transforma em uma relação ativa e colaborativa. Marcas que adotam uma mentalidade blockchain nativa estão criando plataformas onde os consumidores não apenas consomem, mas também contribuem e se envolvem ativamente.

O exemplo da KIKI World

A KIKI World, uma marca de beleza que adotou uma abordagem inovadora e centrada no consumidor, é um exemplo prático do poder da co-criação, da participação da comunidade e da utilização de tecnologia blockchain para potencializar sua relação com o público.

Desde sua fundação, a marca tem se destacado por seu compromisso com a cocriação e a inclusão. Ela promove isso a partir do momento que capacita os consumidores a moldarem os produtos de acordo com seus desejos e necessidades, em oposição ao que a indústria dita como necessário.

A essência da KIKI World reside na cocriação, na inclusão e no empoderamento pessoal, uma abordagem radicalmente diferente das ofertas tradicionais de beleza, que são tipicamente de cima para baixo e centradas em produtos.

Aqui, a comunidade tem uma voz significativa, votando em todos os aspectos, desde as características do produto até novos conceitos. Esse modelo garante que cada produto seja um resultado colaborativo da criatividade coletiva e do zelo de sua base de usuários, refletindo verdadeiramente os desejos e necessidades dos consumidores.

No centro desse processo está a estratégia de cocriação da KIKI World, que envolve ativamente os consumidores em todas as etapas do desenvolvimento do produto. A jornada começa com votações abertas à comunidade, onde os consumidores têm a oportunidade de expressar suas preferências e influenciar diretamente o futuro da marca.

Essas votações são realizadas de forma transparente e segura, graças à tecnologia blockchain, que garante a integridade dos dados e a imutabilidade das decisões tomadas pela comunidade.

Mas a participação dos consumidores vai além das votações. Eles também são recompensados por seu envolvimento ativo, recebendo pontos KIKI e colecionáveis digitais, como NFTs, que podem ser usados para desbloquear benefícios exclusivos dentro da plataforma. Esse sistema de recompensa cria um ciclo de engajamento contínuo, incentivando os consumidores a se envolverem regularmente com a marca e contribuírem para sua evolução.

Além disso, a KIKI World está avançando na integração de tecnologias inovadoras, como robótica e IA, para tornar o processo de produção mais eficiente e responsivo. Isso permite que a marca responda rapidamente às demandas do mercado, lançando novos produtos de forma ágil e mantendo-se sempre atualizada com as últimas tendências e preferências dos consumidores.

A adoção da blockchain vai além da mera implementação de NFTs nessa jornada do consumidor. Trata-se de personalização, melhor entendimento do consumidor, cocriação e distribuição de incentivos úteis. A capacidade de criar produtos que realmente atendem às necessidades e desejos dos consumidores, de forma transparente e segura, é o futuro das relações entre marcas e consumidores.

A tecnologia não só melhora a eficiência e segurança dos processos, mas também oferece novas formas de engajamento e personalização.

Este é só um exemplo prático e acessível de como a blockchain pode ser usada para criar uma relação mais ativa e envolvente com os consumidores, mostrando que o futuro das marcas está na tokenização e na identificação digital. Ignorar essa tendência pode significar ficar para trás em um mercado cada vez mais competitivo e exigente.

Além disso, é importante ressaltar que a jornada rumo à adoção eficaz da blockchain não precisa ser percorrida sozinha. Empresas no Brasil estão assumindo o papel de fornecedoras de infraestrutura blockchain, oferecendo soluções robustas e confiáveis e acessíveis para facilitar esse processo de implementação.

É possível navegar na utilidade da blockchain com confiança e segurança, sem a necessidade de construir toda a infraestrutura internamente. Essa colaboração entre empresas brasileiras e marcas interessadas em adotar o blockchain representa uma oportunidade única de impulsionar a inovação e a competitividade no mercado nacional, preparando o terreno para um futuro onde a tecnologia blockchain seja amplamente integrada em diversas indústrias.

Uma nova era da economia digital está acontecendo bem diante dos seus olhos. Não perca tempo nem fique para trás: abra sua conta na Mynt e invista com o apoio de especialistas do BTG Pactual e a curadoria dos melhores criptoativos para você investir.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok  

Leia mais

Acompanhe tudo sobre:NFTsMarcasBlockchain

Mais de Future of Money

Criptomoedas podem ser "investimento principal" durante eleições nos EUA; entenda

Aproveitem a queda para comprar bitcoin, recomenda investidor milionário

CEO da Dell compartilha meme sobre bitcoin e gera especulação sobre investimento

Bitcoin oferece "imortalidade econômica" e vai valer US$ 10 milhões, diz executivo

Mais na Exame