Edward Snowden diz que países deveriam seguir El Salvador e adotar bitcoin

Snowden diz que países que chegarem atrasados "poderão se arrepender da hesitação" e sugere que outros países adotem uso da criptomoeda oficialmente

O ex-administrador de sistemas da CIA, Edward Snowden, que ficou famoso por tornar públicos os detalhes do sistema de vigilância da NSA, usou as redes sociais para comentar a adoção do bitcoin em El Salvador. Segundo ele, é importante que outros países sigam pelo mesmo caminho.

Em resposta ao jornalista Aaron van Wirdum, que está em El Salvador e publicou sobre a experiência de pagar sua refeição em uma loja do McDonald's da capital San Salvador com bitcoin, Snowden comentou que agora existe "pressão sobre as nações concorrentes" para que também comprem bitcoin, como fez o governo salvadorenho, que adquiriu 550 unidades da criptomoeda. Para Snowden, o design do bitcoin também incentiva a sua rápida adoção.

"O bitcoin foi formalmente reconhecido como uma moeda de curso legal em seu primeiro país. Para além das manchetes, agora existe pressão sobre as nações concorrentes para que também adquiram bitcoin - mesmo que apenas como um ativo de reserva - já que o seu design incentiva massivamente a sua adoção antecipada. Os que chegarem atrasados podem se arrepeneder da hesitação", publicou.

Não é a primeira vez que Edward Snowden fala sobre a principal criptomoeda do mundo. Em março do ano passado, logo após o início da pandemia e do crash que derrubou o preço do bitcoin em mais de 50%, ele havia dito que "sentia que iria comprar algum bitcoin" - a compra, entretanto, nunca foi confirmada pelo ativista.

Em 2021, Snowden voltou ao assunto, quando usou as redes sociais para criticar a incapacidade do bitcoin de proteger a privacidade financeira dos seu usuários. Segundo ele, o fato das transações em blockchain serem públicas, e com a obrigatoriedade de que corretoras façam procedimentos de verificação de identidade de seus usuários, é fácil para governos vincularem endereços na rede Bitcoin aos indivíduos.

A adoção do bitcoin em El Salvador aconteceu na última terça-feira, 7, com alguns problemas relacionados à carteira oficial do governo, já resolvidos. No mesmo dia, o preço da criptomoeda despencou de quase 53 mil dólares para menos de 44 mil dólares, em movimento que especialistas afirmaram se tratar de um "caso clássico de 'compre no boato, venda no fato'". Nesta quinta, a criptomoeda já recupera parte das perdas, negociada acima de 47 mil dólares.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também