Mastercard anuncia integração de criptomoedas à sua rede pagamentos

Empresa anuncia que permitirá circulação de criptoativos em sua rede ainda em 2021: "Estamos nos preparando para o futuro dos pagamentos", diz companhia
 (SOPA Images/Getty Images)
(SOPA Images/Getty Images)
Por Gabriel RubinsteinnPublicado em 11/02/2021 10:13 | Última atualização em 04/03/2021 14:34Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A Mastercard anunciou que vai oferecer suporte para criptomoedas em sua rede, seguindo os passos de outras gigantes do setor de pagamentos como Visa e PayPal. Em texto publicado em seu site oficial na última quarta-feira, 10, a empresa de cartões de crédito diz que os "ativos digitais estão se tornando uma parte importante no mundo dos pagamentos".

"Estamos nos preparando agora para o futuro das criptomoedas e dos pagamentos, anunciando que este ano a Mastercard começará a oferecer suporte a criptomoedas selecionadas diretamente em nossa rede", diz o texto publicado pela companhia, acrescentando que a fará um controle rigoroso para selecionar quais criptoativos farão parte do programa. "Focaremos em compliance [cumprimento de leis e regulações] e segurança do consumidor", diz a empresa.

O texto deixa claro que não serão todas as criptomoedas que poderão circular em sua rede, e cita as stablecoins como opções "mais confiáveis e reguladas", além de afirmar que "muitos das centenas de criptoativos em circulação ainda precisam aperfeiçoar suas medidas de compliance" e, por isso, não atingirão os requerimentos necessários pela empresa para circularem em sua rede.

Com o suporte às criptomoedas na rede Mastercard, compradores e vendedores poderão utilizar os ativos digitais para realizar transações e permitirá aos clientes da empresa "guardar e enviar dinheiro de novas formas".

Segundo a Mastercard, a quantidade de pessoas usando cartões para comprar criptoativos tem aumentado significativamente, "especialmente durante a recente alta do bitcoin". "Também notamos um aumento no uso de cartões em cripto", diz o texto, sobre os cartões emitidos pela própria companhia em parceria com empresas do mercado de ativos digitais. "Essa tendência é indiscutível", afirma.

As criptomoedas vieram para ficar? É o investimento recomendado para você? Descubra com o quiz interativo da EXAME!

"Nossa filosofia sobre criptomoedas é direta: trata-se de escolha. A Mastercard não está aqui para recomendar que você comece a usar criptomoedas. Mas estamos aqui para permitir que clientes, comerciantes e empresas movam valores digitais — tradicionais ou cripto — da maneira que desejarem. Deve ser sua escolha, é seu dinheiro", diz o texto da companhia.

A empresa afirma ainda que está trabalhando com diversos bancos centrais em projetos de CBDCs (moedas digitais emitidas por bancos centrais) e que já possui uma plataforma de testes para essas instituições usarem suas moedas em ambientes controlados.

Não é a primeira vez que a Mastercard demonstra interesse no mercado de criptoativos. A empresa já conta, atualmente, com 89 patentes de blockchain e mais 285 aplicações, sendo uma das líderes do segmento no mundo.

A Mastercard tem quase 1 bilhão de cartões de crédito em circulação no mundo e a decisão de integrar criptomoedas à sua rede pode ter enorme impacto no mercado de criptoativos, levando acesso à esse universo para milhões de pessoas.

No curso "Decifrando as Criptomoedas" da EXAME Academy, Nicholas Sacchi, head de criptoativos da Exame, mergulha no universo de criptoativos, com o objetivo de desmistificar e trazer clareza sobre o funcionamento. O especialista usa como exemplo o jogo Monopoly para mostrar quem são as empresas que estão atentas a essa tecnologia, além de ensinar como comprar criptoativos. Confira.